Navio-Patrulha Fluvial “Pedro Teixeira” realiza Operação “Ágata I” no Rio Japurá

O Navio-Patrulha Fluvial (NPaFlu) “Pedro Teixeira”, subordinado ao Comando da Flotilha do Amazonas, participou, de 22 de março a 2 de abril, da “Operação Ágata I/2021”, em coordenação com os órgãos de segurança pública do estado do Amazonas.

Manobra de pouso no NPaFlu “Pedro Teixeira” – Foto: Marinha do Brasil

Leia mais »

Marinha presta apoio logístico ao Exército e realiza atendimentos básicos de saúde em Vila Bittencourt (AM)

Marinha presta apoio logístico ao Exército e realiza atendimentos básicos de saúde em Vila Bittencourt (AM)

Parte dos suprimentos levados pelo NAsH Oswaldo Cruz e recebidos por militares do 3º PEF – Foto: MARINHA DO BRASIL

Leia mais »

Risco de colapso sanitário em Roraima é tema de reunião com a Casa Civil

Edição de normativo aliviaria pressão social para atendimento de venezuelanos que se encontram em território brasileiro

Foto de fundo: Marcelo Camargo – Agência Brasil / Arte: AsscoInf/PFDC

Leia mais »

Belém do Pará (Brasil) será la sede del X Foro Social Panamazónico (FOSPA) 2022

La ciudad de Belém do Pará, en Brasil, fue escogida como la sede de la X edición del Foro Social Panamazónico – FOSPA 2022, un espacio de articulación, acción y reflexión relacionado con la cuenca amazónica que atraviesa Brasil, Perú, Bolivia, Ecuador, Colombia, Venezuela, República Cooperativa de Guyana, Surinam y Guyana (francesa).

Publicado em: CAAAP

Leia mais »

Real Forte Príncipe da Beira em Costa Marques-RO: Uma Perspectiva Arqueológica para sua Preservação

O Real Forte Príncipe da Beira (RFPB) está localizado na margem direita do rio Guaporé, na fronteira natural do Brasil com a Bolívia, no município de Costa Marques, a sudoeste de Rondônia. O Forte se encontra atualmente sob a guarda do 1º Pelotão Especial de Fronteira “Real Forte Príncipe da Beira”, do Exército Brasileiro, instituição que ocupa a área desde a década de 1930, tendo atuado desde então na salvaguarda daquele bem.

Figura 1: Vista de situação do Real Forte Príncipe da Beira às margens do Guaporé. Observe-se suas dimensões em relação às casas do entorno. Fonte: Arqueolog Pesquisas, 2020

Leia mais »

Marinha apreende cargas, combustível e ouro ilegais no Oiapoque (AP), durante Operação “Verde Brasil II”

A Agência da Capitania dos Portos no Oiapoque apreendeu, no dia 11 de março, uma embarcação irregular, oriunda do Suriname, no Rio Oiapoque (AP), que transportava 500 quilos de cargas diversas, 500 litros de gasolina e cerca de oito gramas de ouro de forma ilegal.

Equipe de Inspeção Naval acompanha embarcação apreendida – Foto: Marinha do Brasil

Leia mais »

PF e autoridades francesas combatem comércio ilegal de caça na fronteira do Amapá

PF deflagra operação Chasseur para reprimir a caça e comercialização de animais silvestres na região, que tem como principais compradores habitantes de Camopi, uma localidade na Guiana Francesa.

Foto: Polícia Federal – DPF

Leia mais »

Ponte da Integração: o apelo do bispo de Rio Branco para resolver a crise humanitária dos imigrantes

Em artigo assinado pelo bispo de Rio Branco, dom Joaquín Pertíñez, o apelo pela segurança dos imigrantes na Ponte da Integração, que liga Assis Brasil, no Acre, a Iñapari, no Peru, dirigido “às autoridades competentes, inclusive a organismos internacionais, para que solucionem esta crise humanitária, que vai contra todos os direitos humanos.

Fonte: Google Maps – Ponte Brasil-Peru

Leia mais »

Programa da ONU ajuda venezuelanas a refazer a vida no Brasil

Mulheres que vêm da Venezuela têm dificuldade para conseguir emprego

Boa Vista (RR) – Acampamento de refugiados venezuelanos montado pelo Exército Brasileiro e a Agência das Nações Unidas para Refugiados (Antonio Cruz/Agência Brasil)

Leia mais »

ONU e sociedade civil pedem R$ 500 milhões para apoiar refugiados e migrantes da Venezuela no Brasil em 2021

Os participantes da Plataforma R4V – Resposta a Venezuelanos anunciaram um plano de 98 milhões de dólares (cerca de R$ 500 milhões) para, em parceria com instituições governamentais, apoiar a proteção, assistência e integração de pessoas refugiadas e migrantes da Venezuela no Brasil que receberão ajuda humanitária no país ao longo de 2021.

Índígena venezuelano Warao em Manaus – Foto | Felipe Irnaldo/ACNUR

Leia mais »