Operação Ágata: Forças Armadas intensificam ações na Tríplice Fronteira no Amazonas

 

Com a denominação de “Operação Barro Branco”, foi realizada, no período de 19 a 23 de novembro de 2018, a Operação Conjunta ÁGATA AMAZÔNIA I – empregando meios do Comando do 9º Distrito Naval e do Comando Militar da Amazônia, numa região da Faixa de Fronteira com 210 milhas náuticas de extensão (cerca de 335 km), localizada nas calhas dos Rios Javari, Solimões, Içá e Jandiatuba, onde os meios empregados foram estrategicamente posicionados em áreas focais entre as cidades de Palmeiras do Javari, Tabatinga, Santo Antônio do Içá e São Paulo de Olivença.

Leia mais »

MPF pede arquivamento de inquérito sobre supostas mortes de indígenas isolados no AM

Representação que originou o caso relatava supostas mortes de mais de dez índios flecheiros no Vale do Javari; investigação policial não encontrou elementos mínimos para comprovar as mortes.

Retângulo preto com a palavra Arquivamento escrita em branco.

Leia mais »

Video: Dron confirmó la existencia de una tribu amazónica no contactada

Funai e SESAI buscam ampliar proteção a indígenas isolados

class=

Com o propósito de traçar estratégias protetivas a grupos indígenas isolados no Vale do Javari, Estado do Amazonas, representantes da Fundação Nacional do Índio (Funai) e da Secretaria Especial de Saúde Indígena (SESAI) discutiram o histórico dos últimos contatos ocorridos naquela região e indicaram ações para minimizar os impactos negativos à saúde dos indígenas em razão do contato com não índios. 

Leia mais »

Ações da Funai, Exército e comunidades indígenas repreendem atuação de criminosos no Vale do Javari

A Terra Indígena Vale do Javari (TI-VJ), na região dos rios médio Javari e Curuçá, recebeu ações de vigilância, monitoramento e fiscalização com foco na proteção etnoambiental e territorial, durante o mês de agosto. A atividade integra o Plano de Trabalho de Proteção Territorial da Base de Proteção Etnoambiental Curuçá (BAPE Curuçá), gerido pela Coordenação Regional Vale do Javari, no Amazonas, e aprovado pela Coordenação-Geral de Monitoramento Territorial (CGMT). 

Leia mais »

Expedição da Funai constata evidências de índios isolados e inibe a presença de infratores nas terras indígenas Vale do Javari e Mawetek

materia vale javari2

São regiões de difícil acesso, mas a equipe da Funai percorreu mais de 180 quilômetros em embarcações pelos rios, caminhonetes por estradas de terra, motos em trilhas fechadas e outros 120 quilômetros a pé, dentro da mata densa. E é nesta última, mais especificamente no interflúvio dos rios Jutaí e Juruazinho, no estado do Amazonas, em que são constatadas evidências da movimentação dos índios isolados.  

Leia mais »

Funai promove eventos sobre povos indígenas de recente contato

A Coordenação-Geral de Índios Isolados e de Recente Contato (CGIIRC) da Diretoria de Proteção Territorial(DPT) promoveu, no mês de junho, em Brasília, dois eventos inéditos sobre povos indígenas de recente contato: a apresentação Os Korubo: processos de contato, situação atual e Programa Korubo e a oficina Diretrizes para o atendimento dos povos indígenas de recente contato: novas experiências, velhos desafios. Servidores da Fundação foram público-alvo das atividades.

seminariocgiirc

Foto: Mário Vilela/Funai

Leia mais »

Matsés do Brasil e Peru alertam para violações de direitos em seu território

Lideranças e representantes do povo Matsés divulgaram um documento no qual chamam atenção para a atual situação em seu território no Brasil e no Peru. O documento foi elaborado durante a VII Reunião Binacional Matsés Brasil-Peru, realizada na aldeia Lobo, Terra Indígena Vale do Javari (AM) entre os dias 8 e 10 de junho. O texto traz denúncias em temas que afetam a integridade territorial e o bem-estar do povo Matsés, como a política adotada pelos governos nos dois países, as atividades de exploração de hidrocarbonetos, a proteção dos povos indígenas isolados e a necessidade de políticas de vigilância territorial. Confira aqui a íntegra do Documento Final da VII Reunião Binacional Matsés Brasil-Peru (o documento também está disponível em castelhano).          Leia mais »

Univaja exige fortalecimento da Funai no Vale do Javari

Em meio a uma crise institucional na Fundação Nacional do Índio (Funai), a União dos Povos Indígenas do Vale do Javari (Univaja) enviou uma carta destinada ao, até pouco tempo Presidente da Funai, Franklinberg Ribeiro de Freitas. Assinada por 100 lideranças dos povos Kanamari, Matsés, Marubo, Kulina e Matis, a carta exige a permanência da Coordenação Regional Vale do Javari e o fortalecimento da Frente de Proteção Etnoambiental (FPE) na região (Acesse a carta na íntegra).

Leia mais »

Matsés piden anular lotes petroleros superpuestos a sus territorios

Foto: tambosmatses.pe

El pueblo indígena Matsés, cuyo territorio ancestral se ubica en la región Loreto, en la frontera con Brasil, lleva más de 10 años en esta exigencia al Estado peruano que ignora su alerta y amenaza con dar en licitación los lotes petroleros 135 y 137 ubicados en sus territorios.

Leia mais »

Islandia: ¿sabías que un pueblo de la Amazonía peruana tiene ese nombre?

Islandia no es solo ese frío país situado en el extremo noroeste de Europa, cerca de Groenlandia, cuyo territorio abarca una isla habitada por 331,000 personas en solo 103 kilómetros cuadrados, y con cuya selección de fútbol el Perú disputará hoy un partido amistoso en Nueva Jersey, con miras al Mundial de Rusia. 

Leia mais »

CTI realiza oficinas de Gestão Ambiental e Territorial na Terra Indígena Vale do Javari

Nas primeiras semanas de março, representantes dos povos indígenas da Terra Indígena (TI) Vale do Javari (AM) participaram de duas oficinas coordenadas pelo Centro de Trabalho Indigenista (CTI).  

Leia mais »

Navio da Marinha do Brasil realiza levantamento hidrográfico no rio Javarí

O Comandante do Navio Hidroceanográfico Rio Branco, capitão de corveta Nicolay falou dos trabalhos que vão ser realizados no Alto solimões (AM).

Leia mais »

PERU – histórico reconocimiento de los pueblos en situación de aislamiento

¡Avanzamos! Luego de 15 años de espera, histórico reconocimiento de los pueblos en situación de aislamiento: Matsés, Remo (Isconahua), Marubo, Matis, Korubo o Kulina-pano, Flecheiro de las propuestas de Reservas Indígenas Yavari Tapiche y Yavari Mirin.

Leia mais »