Declaração Belém+30: pela valorização dos povos e comunidades tradicionais do mundo

Documento apresentado no encerramento do Congresso Internacional de Etnobiologia avalia as conquistas e aponta os desafios da Carta de Belém, 30 anos depois da sua publicação.

Leia mais »

Funai promove oficina sobre conhecimentos tradicionais associados à biodiversidade

oficina5

Encerra-se hoje (15) a Oficina de Capacitação em Acesso e Repartição de Benefícios, evento organizado pela Coordenação-Geral de Gestão Ambiental (CGGAM), em parceria com o Departamento de Apoio ao Conselho de Gestão do Patrimônio Genético (DCGen) e com o Departamento de Patrimônio Genético (DPG) do Ministério do Meio Ambiente (MMA), com o objetivo de qualificar e fortalecer a atuação de servidores da Funai e representantes indígenas no que diz respeito à proteção e salvaguarda dos conhecimentos tradicionais associados e à garantia da repartição de benefícios advinda do uso desses conhecimentos.   

Leia mais »

Pesquisadores descobrem nova espécie de planta na Serra do Aracá, no AM

Show asas

Batizada cientificamente de Macrolobium aracaense, planta foi encontrada crescendo no solo rochoso na Serra do Aracá.  Um ano depois da ‘aventura científica’ no município de Barcelos, pesquisadores confirmam ineditismo. Planta ganhou o nome científico de Macrolobium aracaense.  

Leia mais »

Museu Goeldi nas feiras de sociobiodiversidade, ciência e tecnologia

Durante a I Feira Mundial da Sociobiodiversidade e a IX Feira Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação, que fazem parte da programação do Congresso Internacional de Etnobiologia, o Museu Goeldi realizará atividades de educação ambiental, cultura material e também vai divulgar suas publicações e produtos da lojinha. 

Leia mais »

Direitos dos povos indígenas e sociobiodiversidade: bem-vindos ao Belém+30!

A capital paraense recebe 1.600 participantes de mais de 40 países e de todas as regiões do Brasil para o maior evento de sociobiodiversidade do mundo. O congresso internacional começa nesta terça (7), no Hangar – Centro de Convenções da Amazônia, reunindo um colorido painel humano formado por várias etnias, comunidades tradicionais, pesquisadores brasileiros e estrangeiros, ONGs e agências de governos.

Leia mais »

Povos tradicionais de todo o planeta se reunirão para debater a sociobiodiversidade

Cientistas, caciques, xamãs, curandeiros de 45 países reunidos pela preservação da cultura e meio ambiente.

Cacique Raoni é uma das principais lideranças índigenas do Brasil - Crédito: Reprodução - Funai

Cacique Raoni é uma das principais lideranças índigenas do Brasil – Crédito: Reprodução – Funai

Leia mais »

Ecossistemas tropicais abrigam mais de três quartos de todas as espécies de plantas e animais do planeta

Embora cubram 40% do planeta, os ecossistemas tropicais abrigam mais de três quartos de todas as espécies de animais e plantas. É o que mostra o estudo The future of hyperdiverse tropical ecosystems (O futuro dos ecossistemas tropicais hiperdiversos), publicado na revista Nature. Leia mais »

Áreas prioritárias da AM serão atualizadas

Oficina definirá áreas e ações para conservação da biodiversidade e uso sustentável do bioma.  

A oficina final de trabalho para atualização das Áreas Prioritárias para a Conservação, Uso Sustentável e Repartição dos Benefícios da Biodiversidade da Amazônia, voltada para especialistas, iniciou nesta terça-feira e segue até quinta (26/07), em Belém (PA). Leia mais »

Conservação na Amazônia focada somente em carbono pode desproteger a biodiversidade

 -

Proteger os estoques de carbono nas florestas tropicais, em especial na Amazônia, é um dos principais objetivos de políticas públicas e ações de organizações ambientais em todo o mundo na luta frente às mudanças climáticas. Porém, um estudo publicado ontem (16/07) na Nature Climate Change, principal revista sobre o tema no mundo, mostra que a conservação focada somente no carbono pode levar a lacunas de até 75% na proteção das espécies presentes em florestas de maior valor ecológico.        Leia mais »

Soluções para a conservação da natureza podem receber apoio financeiro

Segunda chamada pública  de 2018 da Fundação Grupo Boticário oferece três categorias diferentes, uma delas voltada a ambientes marinhos

Iniciativas de todo o Brasil que ofereçam medidas efetivas de conservação da natureza podem se inscrever para a segunda chamada de 2018 dos tradicionais editais de apoio da Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza, que existem há 27 anos. As inscrições podem ser feitas até 31 de agosto, por meio do site da instituição. Leia mais »

Ministério publica cadernos extrativistas

São 21 manuais voltados para agentes de assistência técnica e extensão rural, além das próprias comunidades. 

Babaçu, andiroba, barbatimão, pequi, baru, buriti, umbu, carnaúba, açaí, cajuzinho, copaíba e mangaba são alguns dos produtos da sociobiodiversidade que agora têm seu cultivo sistematizado e orientado em 21 cadernos produzidos pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA). As publicações foram produzidas em parceria com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

Araticum: produto extrativista – Divulgação Projeto BFN