Seca intensa eleva focos de incêndio no Acre em 2024 239,13% em relação ao mesmo período do ano anterior

A forte seca que vem atingindo o estado do Acre já apresenta seus efeitos negativos, com um aumento significativo no número de focos de incêndio em 2024, em comparação aos anos anteriores. Segundo o painel de queimadas do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), até este sábado (15), o Acre já registra 78 focos de incêndio, enquanto em 2023 esse número era de apenas 23. Esse aumento representa um crescimento de 239,13% em relação ao mesmo período do ano anterior.

Foto postada em:  O ALTO ACRE

Continuar lendo Seca intensa eleva focos de incêndio no Acre em 2024 239,13% em relação ao mesmo período do ano anterior

Roraima registra mais de 2 mil incêndios em 2024

BOA VISTA (RR) – Dados do Corpo de Bombeiros Militar de Roraima (CBM-RR) apontam que o Estado registrou mais de 2,2 mil ocorrências de incêndio em vegetação, no período de janeiro a abril de 2024. O balanço parcial foi enviado pela instituição à REVISTA CENARIUM, nesta quinta-feira, 13. Segundo o relatório, março foi o mês com maior acionamento das autoridades com 836 casos registrados; seguido por fevereiro, que registrou 681 ocorrências.

Foto postada em: Revista Cenarium

Continuar lendo Roraima registra mais de 2 mil incêndios em 2024

Manaus (AM) recebe mapa que indica áreas afetadas na ocorrência de cota de inundação severa

Associado ao Sistema de Alerta Hidrológico da Bacia do Rio Amazonas, o estudo Mancha de Inundação apoia ações voltadas para prevenção de desastres

Porto de Manaus

Continuar lendo Manaus (AM) recebe mapa que indica áreas afetadas na ocorrência de cota de inundação severa

Por que a Amazônia bate recordes de queimadas

Manaus (AM) – Choveu bem menos do que o esperado em algumas regiões amazônicas e a seca se prolongou para além do previsto em outras. O resultado é um número de queimadas sem precedentes na Amazônia para os cinco primeiros meses deste ano. É mais uma marca histórica nos incêndios florestais que o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) vem registrando desde 1985. Num claro sinal de que a crise climática veio para ficar, é o maior número de queimadas para um início de ano desde a criação do Monitor de Fogo do Mapbiomas em 2019, muito acima do valor médio de focos registrados pelo Inpe em 35 anos e ainda, o maior índice da história para fevereiro.

Queimadas na Terra Indígena São Marcos, em Roraima (Fotos Brigadistas indígenas / CIR). – Postada por: AMAZÔNIA REAL

Continuar lendo Por que a Amazônia bate recordes de queimadas

Países longe de reduzir o desmatamento não têm planos concretos, alerta ONU

Brasil e Moçambique estão entre oito das 20 nações com mais desmatamento tropical; em terras brasileiras, a desflorestação teve uma queda de 22% no quinquênio até 2023; expectativa é que COP30 seja um marco global para realizar a ambição de proteção florestal.

A Amazônia Legal envolve nove estados brasileiros, que concentram cerca de 60% da Floresta Amazônica – Antonio Cruz/Agência Brasil – Postada em: ONU NEWS

Continuar lendo Países longe de reduzir o desmatamento não têm planos concretos, alerta ONU

Museu das Amazônias recebe doação de US$ 800 mil do CAF e apoio do BNDES na articulação de apoiadores

Equipamento cultural será um dos legados da 30ª Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP 30), realizada em Belém (PA), em 2025

Belém, que já abriga o Museu Goeldi e sediará a COP 30, receberá o Museu das Amazônias – Foto: SeTur/Gov/PA

Continuar lendo Museu das Amazônias recebe doação de US$ 800 mil do CAF e apoio do BNDES na articulação de apoiadores

Governo do Amazonas e Inpa/MCTI articulam soluções conjuntas para combater eventos climáticos extremos

Foi feito levantamento de soluções científicas que podem orientar a tomada de decisões governamentais na estiagem deste ano

Diretor do Inpa, Henrique Pereira, recebe visita do vice-governador do Amazonas, Tadeu de Souza. Foto Victor Mamede – Ascom Inpa

Continuar lendo Governo do Amazonas e Inpa/MCTI articulam soluções conjuntas para combater eventos climáticos extremos

Seca antecipada do Rio Acre em Brasiléia preocupa órgãos sob risco de desabastecimentos no Alto e Baixo Acre

O Rio Acre em Brasiléia vive um momento de contrastes. Há apenas alguns meses, em março de 2024, o rio alcançou sua segunda maior cota histórica, inundando áreas e causando transtornos à população. Agora, em pleno mês de junho, a realidade é completamente diferente: o rio atingiu um nível extremamente baixo, com apenas 1,14 metros neste Domingo 09 de junho, de acordo com as informações da Agencia Nacional de Agua e Saneamento Básico.

Foto postada em: O Alto Acre.

Continuar lendo Seca antecipada do Rio Acre em Brasiléia preocupa órgãos sob risco de desabastecimentos no Alto e Baixo Acre

Defesa Civil de Roraima alerta para chuvas acima da média até agosto

BOA VISTA (RR) – O período chuvoso no Estado de Roraima iniciou no fim do mês de março e se intensificou em maio, após uma estiagem severa que causou o aumento do número de queimadas, poluição no ar por fumaça e a segunda maior seca da história do principal rio do Estado, quando o nível do Rio Branco chegou a 39 centímetros negativos.

Limpeza do Rio Caroebe (Divulgação/Corpo de Bombeiros) – Postada em: Revista Cenarium

Continuar lendo Defesa Civil de Roraima alerta para chuvas acima da média até agosto

Rios do Amazonas seguem com baixa probabilidade de cheias severas em 2024

3º Alerta de Cheias do Amazonas, realizado pelo Serviço Geológico do Brasil, visa fornecer previsões atualizadas sobre níveis dos rios e condições climáticas

Orla de Manaus. Foto: Divulgação/SGB

Continuar lendo Rios do Amazonas seguem com baixa probabilidade de cheias severas em 2024

Decisões do STF contribuíram para políticas públicas de meio ambiente no país

Plenário determinou medidas para reduzir desmatamento na Amazônia e queimadas no Pantanal, além de garantir a retomada do Fundo Clima.

Foto: Leonardo Milano / ICMBio

Continuar lendo Decisões do STF contribuíram para políticas públicas de meio ambiente no país

Bosque da Ciência do Inpa promove programação especial para a Semana do Meio Ambiente

De 05 a 07 de junho, o Bosque da Ciência do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa/MCTI) oferece uma programação diversificada na Semana do Meio Ambiente 2024. Serão realizadas cerca de 30 atividades no parque verde urbano, como ações educativas com foco na Amazônia,  como exposições, oficinas interativas, ações de reciclagem e visitas monitoradas. Veja aqui a programação.

Banner: Paulo Vinícius/ PCE-Inpa

Continuar lendo Bosque da Ciência do Inpa promove programação especial para a Semana do Meio Ambiente