Mais de 20 municípios no Amazonas estão em situação de emergência ou atenção

Cheia no Amazonas – Arquivo/Agência Brasil

As fortes chuvas e a estiagem intensa em algumas cidades amazonenses fizeram com que 21 municípios entrassem em situação de emergência, estado de alerta ou atenção, segundo a Defesa Civil do estado.

Leia mais »

Comunidades do Amazonas começam a ficar isoladas por causa da seca do rio Negro

Agora que começou a chover, mas o nível do rio ainda é baixo (Foto: Juliana Radler/ISA)

A cada ano a natureza apresenta surpresas quando o assunto é relacionado à cheia e à seca nos rios do Amazonas. A cota d’água do Alto Rio Negro foi tão insignificante que a seca naquela região preocupa muito mais a Defesa Civil do Amazonas que a enchente na calha do Madeira, termômetro para os níveis máximos em todo o Estado. A situação é tão crítica que está prejudicando a trafegabilidade, deixando comunidades praticamente isoladas. Agora que começou a chover, mas o nível do rio ainda é baixo.

Leia mais »

AM: Calha do Alto Rio Negro está em estado de alerta por causa da estiagem

Nesta sexta-feira (16), a Defesa Civil do Amazonas emitiu estado de alerta para a calha do Alto Rio Negro. Mas ao contrário do que acontece no sul do Amazonas, o alerta é para a estiagem.

Manaus, AM, Brasil: Encontro das águas dos rios Negro e Solimões, em Manaus. (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Leia mais »

O avanço do fogo sobre o Brasil

Até o fim de 2017, número de focos de queimadas deve bater recorde no país, atingindo sobretudo a Amazônia. Setembro já é o pior mês da história. Mudanças climáticas devem agravar cenário. 

Leia mais »

Calhas dos rios Juruá e Purus estão em estado de alerta por causa da estiagem

Depois de uma visita técnica a municípios das calhas dos rios Juruá e Purus, a Defesa Civil do Amazonas decretou estado de alerta nessas localidades devido à estiagem,

Leia mais »

Baixo nível dos rios coloca 11 municípios do Amazonas em estado de atenção

A diminuição significativa do volume de chuvas e do nível dos rios levou a Defesa Civil do Amazonas a emitir hoje (14) um alerta de estado de atenção para 11 municípios das calhas do Juruá, Purus e Madeira. Dados do Sistema de Proteção da Amazônia (Sipam) indicam que essas bacias enfrentam o trimestre mais seco do ano. Apesar de a baixa pluviosidade ser comum nesta época, as chuvas estão abaixo da média prevista.

Leia mais »

Estudo mostra que áreas inundadas da Amazônia são vulneráveis a incêndios

Um estudo internacional liderado pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) revela que as áreas de várzea presentes na Amazônia são o “calcanhar de Aquiles” que podem fazer a floresta entrar em colapso. Isso porque essas regiões inundadas da mata são, ao contrário do que se pensava antes, as mais vulneráveis a incêndios. Os resultados do estudo foram publicados nesta segunda-feira, dia 10, na revista científica “PNAS”. 

Leia mais »

Reservatórios da região Norte continuam operando com volume de 19,2%

Os reservatórios da região Norte continuam operando com o mesmo volume de 19,2%, igual ao dia anterior. Os dados são do Operador Nacional do Sistema Elétrico, referentes ao último dia 3 de janeiro. A energia armazenada é 2.887 MW mês e a energia natural afluente é 3.109 MW med, que é o mesmo que 30% da média de longo termo armazenável no mês até o dia. A usina de Tucuruí está operando com volume de 27,75%.    

Leia mais »

Às margens do rio Madeira, Porto Velho enfrentou insegurança hídrica na seca

A estiagem extrema que reduziu os níveis de chuva e intensificou a vazante dos rios no sul da Amazônia este ano comprometeu o abastecimento de água potável em Porto Velho, capital de Rondônia. Banhada pelo rio Madeira, a cidade enfrentou uma crise hídrica entre os meses de junho a outubro, quando faltou água para 60% dos moradores que utilizam poços artesianos ou cacimbas para o abastecimento.

Leia mais »

Fiocruz diz que mudança climática compromete saúde da população no Amazonas

No estudo “Vulnerabilidade à Mudança do Clima”, a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) analisou as doenças contraídas pela população do Amazonas nos períodos de secas e enchentes extremas e as relacionou com as taxas de desmatamento e queimadas nesses períodos no estado, que tem a maior cobertura vegetal da Floresta Amazônica atualmente. 

Leia mais »

Após três meses, Rio Juruá ultrapassa 4 metros em Cruzeiro do Sul

Após três meses abaixo dos quatro metros, o Rio Juruá, que vem sofrendo a pior estiagem dos últimos anos, voltou a subir e marcou 4,75 metros nesta quarta-feira (12) em Cruzeiro do Sul. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o aumento foi devido às constantes chuvas que foram registradas nas últimas duas semanas. 

Leia mais »

Advierten de la mayor sequía andino-amazónica de los últimos 50 años

Imagen: El Comercio.
Imagen: El Comercio.

Carta abierta alerta sobre grave riesgo de sequía e incendios forestales en la Amazonía de Perú, Brasil y Bolivia. Piden decretar inmediatamente alertas climáticas y protocolos de vigilancia, sanción y control de quemas agropecuarias.

Leia mais »