Plataforma indígena “Maeí” inicia a venda online de Castanha do Brasil

Os interessados em adquirir a Castanha do Brasil produzida por indígenas das etnias Cinta Larga e Paiter-Suruí, do estado de Rondônia, contam agora com uma opção online para a compra do produto.

Leia mais »

No Acre, Funai realiza diagnóstico produtivo em aldeias da etnia Madija

A Coordenação Regional (CR) Alto Purus, unidade descentralizada da Fundação Nacional do Índio (Funai) em Rio Branco (AC), apresentou no último dia 6 os resultados do Diagnóstico Produtivo das Aldeias Madija da Terra Indígena Alto Rio Purus, localizada nos municípios de Santa Rosa do Purus e Manoel Urbano (AC). O projeto foi coordenado pela Funai, por meio da CR Alto Purus, e ocorreu em parceria com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e o Governo do Acre.

Foto: Thayná Ferraz/Funai

Leia mais »

Série especial: Com apoio da Funai, etnodesenvolvimento fortalece tradição cultural da etnia Paiter-Suruí em Rondônia

Indígenas da etnia Paiter-Suruí, do estado de Rondônia, mantêm vivas as memórias culturais por meio de práticas como dança, música, pintura, cerimônias e rituais.

Leia mais »

Em Rondônia, Funai apoia produção de banana da etnia Paiter Suruí

A Fundação Nacional do Índio (Funai) continua a prestar apoio logístico para o escoamento da produção de banana de produtores indígenas da etnia Paiter Suruí, no estado de Rondônia. Com início em junho, a colheita do fruto se estendeu pela primeira quinzena do mês com o suporte de um caminhão da unidade da Funai em Cacoal (RO), que atua no transporte da produção entre as aldeias e a cidade rondoniense, a cerca de 60 quilômetros da Terra Indígena Sete de Setembro.

Funai presta apoio logístico para o escoamento da produção de banana de produtores indígenas da etnia Paiter Suruí. Foto: Divulgação/Funai

Leia mais »

Série Especial: Com apoio da Funai, produção de cacau dos Paiter-Suruí segue rumo à primeira fábrica de chocolate indígena do país

A produção de cacau vem ganhando força na Terra Indígena Sete de Setembro, no estado de Rondônia, com a adesão de agricultores da etnia Paiter-Suruí. O cultivo na Aldeia Mauíra, comandada pelo cacique José Mopiraneme, já traz resultados significativos, além de parcerias. Para o futuro, a expectativa é concretizar o sonho de construir a primeira fábrica de chocolate indígena do Brasil. Na terceira matéria da Série Especial, a Fundação Nacional do Índio (Funai) conta a história da produção indígena de cacau do município de Cacoal (RO) e o trabalho familiar que vem impulsionando o comércio do fruto na região.

Leia mais »

Série Especial: Com apoio da Funai, produção de café indígena se consolida em Rondônia

O cultivo de café se consolidou como uma das principais atividades produtivas da etnia Paiter-Suruí no município de Cacoal, em Rondônia. A cafeicultura virou fonte de renda para as comunidades, cuja receita em 2021 chegou a R$ 634 mil. Entre maio e junho, uma nova safra é colhida nos mais de 70 mil pés de café plantados da região, com expectativa de superar o número de sacas comercializadas no ano passado.

Foto: FUNAI

Leia mais »

Em iniciativa inédita, Funai promove participação de produtores indígenas na AgroBrasília 2022

Em uma iniciativa inédita, a Fundação Nacional do Índio (Funai) promove nesta semana a participação de mais de 30 agricultores indígenas na “AgroBrasília 2022: Feira de Tecnologia e Negócios do Agro”, que ocorre entre os dias 17 e 21 de maio, no Parque Tecnológico Ivaldo Cenci, em Brasília.

Foto: FUNAI

Leia mais »

Abril Indígena 2022: Com apoio da Funai, indígenas conquistam autonomia em diferentes segmentos

Na Campanha Abril Indígena de 2022, ano em que o Brasil celebra o Bicentenário da Independência, a Fundação Nacional do Índio (Funai) vai mostrar exemplos de protagonismo indígena que contribuem para a autonomia e independência das comunidades. Durante o mês de abril, será publicada uma série de reportagens especiais nos canais oficiais da Funai, apresentando o perfil de quatro personagens e suas histórias, destacando o trabalho e a vontade de indígenas que querem mudar a realidade de suas aldeias.

Leia mais »

Série especial: Etnia Haliti-Paresi mantém viva a cultura tradicional indígena no Mato Grosso

Por meio dos rituais, das pinturas corporais e do uso das vestes padrão, indígenas Haliti-Paresi, da Terra Indígena Utiariti, no Mato Grosso, mostram que as tradições locais seguem vivas. Ao longo dos anos, eles encontraram alternativas para fortalecer os traços culturais.

Fotos: Guto Martins e Mário Vilela/Funai

Leia mais »

Indígenas defendem o protagonismo e a autonomia de suas comunidades

Lideranças indígenas de diferentes etnias têm se manifestado a favor da busca por melhores condições de vida e obtenção de recursos por meio do desenvolvimento sustentável nas aldeias. Em mensagens de vídeo, eles defendem o direito dos indígenas na tomada de decisão e o incentivo à autonomia das comunidades por meio da produção sustentável, com projetos voltados à geração de renda nas aldeias e o fortalecimento cultural dos indígenas.

Irisnaide Macuxi, presidente da Sociedade de Defesa dos Índios Unidos de Roraima (Sodiurr). Foto: Diego Gurgel/Secom-AC – Postada em: FUNAI

Leia mais »

Série especial: Produção agrícola abre caminhos e oportunidades para indígenas do Mato Grosso

Indígenas das etnias Haliti-Paresi, Nambikwara e Manoki, das Terras Indígenas Utiariti e Paresi, no Mato Grosso, transformaram a realidade das suas aldeias com um novo formato de trabalho: as lavouras mecanizadas. A partir do plantio, colheita e comercialização de produtos como soja, milho e feijão, eles criaram possibilidades de mudança e prosperidade para os indígenas da região. Assim, avançaram não apenas na geração de renda, mas também no aumento de vagas de trabalho, no acesso à educação e, principalmente, no fortalecimento cultural. Na segunda matéria da série especial sobre a região, a Fundação Nacional do Índio (Funai) conta um pouco dessa história.

Indígenas transformaram a realidade das suas aldeias com o trabalho nas lavouras mecanizadas. Foto: Guto Martins/Funai

Leia mais »

Lideranças manifestam apoio a Projeto de Lei do Executivo que regulamenta atividade de mineração em terras indígenas

Lideranças de diferentes etnias têm manifestado apoio ao Projeto de Lei n° 191/2020, de autoria do Poder Executivo Federal, que autoriza e define critérios para a mineração em Terras Indígenas. Em mensagem de vídeo, eles defendem a regulamentação, bem como o direito de desenvolver a atividade, com regras claras e participação efetiva dos indígenas no processo. Confira os depoimentos abaixo.

O presidente da Cooperativa de Produtores e Agricultores Indígenas do Brasil, Felisberto Cupudunepá, da etnia Umutina (MT). Foto: Ubirajara Machado/Funai

Leia mais »

Série especial: Etnia Haliti-Paresi aposta no turismo para fortalecer a tradição indígena

Belezas naturais, rituais, danças, pintura corporal. Tudo isso faz parte da rotina dos indígenas Haliti-Paresi, que vivem no Mato Grosso, e também está ao alcance dos turistas. Nos últimos anos, o turismo comunitário ganhou força na região, contribuindo para a o fortalecimento cultural e a geração de renda nas aldeias, servindo de exemplo para outras etnias.

Etnia Haliti-Paresi consolidou o turismo comunitário no Mato Grosso. Fotos: Guto Martins / Funai

Leia mais »

Funai divulgará série especial sobre a etnia Haliti-Paresi

A Fundação Nacional do Índio (Funai) apresentará uma série especial sobre a rotina, os costumes, a cultura e o etnodesenvolvimento na vida dos indígenas da etnia Haliti-Paresi, do Mato Grosso. A equipe da Assessoria de Comunicação (Ascom) da Funai passou uma semana percorrendo as aldeias da região para conhecer os personagens que construíram essa nova realidade e captar suas histórias. O conteúdo especial produzido em diferentes formatos será publicado ao longo das próximas semanas no portal da Funai e nas redes sociais da instituição.

A Funai apresentará uma série especial sobre os indígenas da etnia Haliti-Paresi, do Mato Grosso.

Leia mais »

Funai apoia criação de cooperativa da etnia Xavante no Mato Grosso

Com apoio da unidade descentralizada da Fundação Nacional do Índio (Funai) de Barra do Garças (MT), a etnia Xavante formalizou a criação da Cooperativa Indígena Volta Grande (CoopIVG), no último dia 8, na Aldeia Volta Grande, município de Novo São Joaquim (MT). Por meio da Coordenação Regional Xavante, a Funai atuou na consulta à comunidade sobre a constituição da entidade, que foi aprovada por todos os indígenas que estiveram no evento.

Foto: Divulgação FUNAI

Leia mais »

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com