Amazonía se acercaría a su punto de “no retorno” por deforestación

Alarmante. La deforestación de la Amazonía acabó con el 17 por ciento de su vegetación en los últimos 50 años. Si se supera el 20 por ciento, sería un “abismo climático”, advierten especialistas.

Fuente: Muy interesante. / SERVINDI

Continuar lendo Amazonía se acercaría a su punto de “no retorno” por deforestación

Decano do STF profere o último voto em ações que discutem o novo Código Florestal

O Plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) deu sequência, na sessão desta quarta-feira (28), ao julgamento conjunto das ações que tratam do novo Código Florestal (Lei 12.651/2012), com o voto do ministro Celso de Mello, último a se manifestar sobre a matéria. O decano acompanhou “em grande extensão” o relator das ações, ministro Luiz Fux, com pequenas divergências pontuais, principalmente no tocante ao tema da anistia, prevista no artigo 60 da lei.

Continuar lendo Decano do STF profere o último voto em ações que discutem o novo Código Florestal

STF – Plenário conclui julgamento de ações sobre novo Código Florestal

O Supremo Tribunal Federal (STF) concluiu, na tarde desta quarta-feira (28), o julgamento sobre o novo Código Florestal (Lei 12.651/2012), reconhecendo a validade de vários dispositivos, declarando alguns trechos inconstitucionais e atribuindo interpretação conforme a outros ítens. O tema foi abordado no julgamento conjunto da Ação Declaratória de Constitucionalidade (ADC) 42 e das Ações Diretas de Inconstitucionalidade (ADIs) 4901, 4902, 4903 e 4937.

Continuar lendo STF – Plenário conclui julgamento de ações sobre novo Código Florestal

Começaram as inscrições para o Simpósio sobre Conservação e Manejo Participativo na Amazônia de 2018

Evento organizado pelo Instituto Mamirauá é um dos mais importantes para a divulgação da ciência feita na Amazônia. As inscrições são gratuitas e seguem até o dia 31 de maio.

Continuar lendo Começaram as inscrições para o Simpósio sobre Conservação e Manejo Participativo na Amazônia de 2018

Indicação Geográfica do pirarucu manejado em Mamirauá tem projeto lançado em Tefé

O projeto “Indicação Geográfica (IG) Pirarucu de Manejo da Região de Mamirauá” teve lançamento oficial na última quinta-feira (22), em Tefé. A cidade amazonense é uma das nove que pode receber o reconhecimento por um produto de qualidade e origem: o pirarucu manejado da região de Mamirauá. Dessa região, nomeada pelo projeto de “região Mamirauá”, também fazem parte os municípios de Alvarães, Fonte Boa, Japurá, Juruá, Jutaí, Maraã, Tefé, Tonantins e Uarini, todos localizados no médio e alto curso do Rio Solimões.

Indicação Geográfica vai reconhecer a qualidade do pirarucu manejado. Projeto, apoiado pelo Instituto Mamirauá, abrange nove municípios no Amazonas -ALINE FIDELIX

Continuar lendo Indicação Geográfica do pirarucu manejado em Mamirauá tem projeto lançado em Tefé

Capacitação sobre ILPF foca em produção de árvores perenes

A ILPF permite diferentes possibilidades de integração entre os componentes lavoura, pecuária e floresta – Foto: Clenio Araujo

Entre os próximos dias 6 e 8 de março, a Embrapa e parceiros vão promover no Tocantins mais um módulo de capacitação continuada no âmbito da Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (ILPF). Desta vez, as atividades acontecerão em Porto Nacional, que fica na região Central do estado. 

Continuar lendo Capacitação sobre ILPF foca em produção de árvores perenes

Parque Nacional da Amazônia completa 44 anos

O Parque Nacional da Amazônia comemorou 44 anos no dia 19 de fevereiro de 2018, realizando sua I Exposição e Concurso Fotográfico. As fotos para exposição foram cedidas por visitantes da unidade de conservação, tendo sido expostas no Barracão de Eventos Culturais, localizado na orla de Itaituba/PA.

Continuar lendo Parque Nacional da Amazônia completa 44 anos

MPF, MPPA e Defensoria pedem embargo de uma das bacias de rejeitos da Hydro no Pará

O Ministério Público do Estado do Pará (MPPA), o Ministério Público Federal (MPF) e a Defensoria Pública do Estado do Pará (DPE) pediram o embargo de uma das bacias de rejeitos da Hydro Alunorte. O anúncio do pedido ocorreu nesta sexta-feira (23) durante entrevista coletiva de imprensa no prédio sede do MPPA, em Belém.   

Segundo MPPA, MPF e Defensoria, um dos projetos da empresa opera sem licenciamento (foto: Ascom MPPA)

Continuar lendo MPF, MPPA e Defensoria pedem embargo de uma das bacias de rejeitos da Hydro no Pará

Preservar a Amazônia gera empregos e paz para a América Latina

Programa de criação de áreas protegidas se expande para Peru e Colômbia. Objetivo seguinte é alcançar mais seis países.

Tudo na Amazônia é colossal. Com uma área total estimada em 4 milhões de km2, ela cobre nove países da América do Sul. Sua biodiversidade inclui mais de 16 mil espécies de árvores conhecidas. Um quinto de toda a água do planeta está lá. Cerca de 22 milhões de pessoas habitam a área da Bacia Amazônica e tiram seu sustento dela. 

Continuar lendo Preservar a Amazônia gera empregos e paz para a América Latina

Mineradora norueguesa tinha ‘duto clandestino’ para lançar rejeitos em nascentes amazônicas

Inspeção flagra alagamento de lama vermelha com alumínio na sede da Hydro Cred | Foto: Instituto Evandro Chagas

Além de um vazamento de restos tóxicos de mineração, que contaminou diversas comunidades de Barcarena, no Pará, a gigante norueguesa Hydro usou uma “tubulação clandestina de lançamento de efluentes não tratados” em um conjunto de nascentes do rio Muripi, aponta um laudo divulgado nesta quinta-feira pelo Instituto Evandro Chagas, do Ministério da Saúde. 

Continuar lendo Mineradora norueguesa tinha ‘duto clandestino’ para lançar rejeitos em nascentes amazônicas

Mineradora terá que distribuir água à população afetada por vazamento no Pará

O governo do Pará determinou que a mineradora Hydro AluNorte forneça água potável para os moradores das comunidades afetadas pelo vazamento de resíduos tóxicos de um depósito da empresa, localizado em Barcarena, região metropolitana de Belém, no último fim de semana.

Continuar lendo Mineradora terá que distribuir água à população afetada por vazamento no Pará

Desmatamento na Amazônia está prestes a atingir limite irreversível

O desmatamento da Amazônia está prestes a atingir um determinado limite a partir do qual regiões da floresta tropical podem passar por mudanças irreversíveis, em que suas paisagens podem se tornar semelhantes às de cerrado, mas degradadas, com vegetação rala e esparsa e baixa biodiversidade.


Continuar lendo Desmatamento na Amazônia está prestes a atingir limite irreversível

Destruição de Garimpo Ilegal

CMA/EB

No dia 21 de fevereiro de 2018, no contexto da Operação Escudo, cumprindo seu papel constitucional de combater crimes ambientais na faixa de fronteira, conforme estabelecem as Leis Complementares 97/1999, 117/2004 e 136/2010,  a 1ª Brigada de Infantaria de Selva , por intermédio do Comando de Fronteira Roraima/7º Batalhão de Infantaria de Selva, realizou uma incursão com trinta homens em três helicópteros do Exército, no garimpo do MUTUM, no alto do URARICOERA, a noroeste do estado, na região da Terra Indígena Yanomami.

Continuar lendo Destruição de Garimpo Ilegal

Organizaciones brasileñas en contra de ley sobre carreteras en la Amazonía

Foto (izquierda): TeleSur

Mediante un pronunciamiento (lee el documento), organizaciones indígenas, civiles y representantes de áreas naturales protegidas de Brasil, expresaron su rechazo a la Ley 30723, que promueve carreteras en zonas de frontera y el mantenimiento de trochas carrozables en la Amazonía peruana.

Continuar lendo Organizaciones brasileñas en contra de ley sobre carreteras en la Amazonía

Exército destrói garimpo ilegal na Terra Indígena Yanomami

Garimpo

A 1ª Brigada de Infantaria de Selva, por intermédio do Comando de Fronteira Roraima/7º Batalhão de Infantaria de Selva, realizou nesta quarta-feira, 21, no contexto da Operação Escudo, uma incursão com trinta homens em três helicópteros do Exército, no garimpo do Mutum, no alto do Uraricoera, a noroeste do estado, na região da Terra Indígena Yanomami.

Continuar lendo Exército destrói garimpo ilegal na Terra Indígena Yanomami

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com