Yanomamis liberam servidores retidos em Roraima

Servidores da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai) em Roraima, que estavam retidos na região de Surucucu, em Alto Alegre, Norte de Roraima, desde domingo, já foram liberados e começaram a deixar a região hoje (18). Os servidores estavam sob a guarda de índios Yanomami, que protestavam contra a morte de duas crianças indígenas.

Leia mais »

Yanomamis protestam pela morte de crianças e apreendem aeronaves usadas por profissionais de saúde

Índios Yanomami apreenderam três aeronaves a serviço da Sesai – Secretaria Especial de Saúde Indígena do Ministério da Saúde. A ação é um protesto pela morte de duas crianças indígenas. 

Leia mais »

Índios Yanomami impedem a saída de profissionais de saúde em aldeia

O Ministério da Saúde confirmou nesta segunda-feira (17) que 21 servidores, além de quatro pilotos, foram impedidos por índios Yanomami de retornar à base e estão em uma aldeia na região de Surucucu, município de Alto Alegre, no norte de Roraima.

Leia mais »

DSEI Alto Rio Solimões fala sobre o serviços de emergência indígena SAMUSI

Além das ambulanchas, Distrito conta com mais 52 embarcações para prestação de assistência à saúde nas 229 aldeias da região.

Os quase 70 mil indígenas que vivem na área de abrangência do Distrito Sanitário Especial Indígena Alto Rio Solimões (DSEI ARS) estão contando com o SAMUSI -Serviço de Atendimento Móvel de Urgência da Saúde Indígena, o primeiro no país.

Leia mais »

Funai e Unicef discutem sobre nutrição do povo Yanomami

O Presidente da Funai, Wallace Bastos, acompanhado do Diretor de Promoção ao Desenvolvimento Sustentável, Rodrigo Faleiro, e do Assessor da Presidência, Artur Mendes, se reuniu nesta quinta-feira (05) com a representante do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) no Brasil, Florence Bauer e com a Chefe da Unidade de Saúde, HIV e Desenvolvimento Infantil do Unicef, Cristina Albuquerque.

Leia mais »

Indígenas Kanamari ocupam DSEI para denunciar mortes e desassistência no Vale do Javari

De acordo com levantamento feito pela organização Kanamari, de 2004 até 2017, 30 indígenas morreram por doenças ou cometendo suicídio. Em 2017, dez crianças morreram.

Leia mais »

Água do rio Iriri está liberada para consumo

Pesquisas realizadas a pedido da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai) descartaram a presença de bactérias e de toxinas nas águas do rio Iriri, que nasce no norte do Mato Grosso e banha o estado do Pará. As amostras, coletadas pela Sesai em diferentes pontos do Iriri, foram encaminhadas para dois laboratórios – um particular e outro público – que concluíram pela normalidade da água, que está liberada para consumo e para atividades habituais das comunidades indígenas.  

Leia mais »

MPF questiona órgão do Ministério da Saúde sobre atendimento à saúde indígena em Oriximiná (PA)

Entre diversas outras irregularidades, pacientes e acompanhantes vivem em barracos de lona improvisados, com riscos de acidentes e em condições nocivas à saúde.   

Leia mais »

Líderes Xavante pressionam governo Michel Temer por nomeação para DSEI de Barra do Garças

Cerca de 300 índios Xavante de Mato Grosso encaminharam nesta quarta-feira (6) abaixo-assinado ao ministro Antônio Imbassahy,  chefe da Secretaria de Governo da Presidência da República, cobrando a nomeação de Antônio Flávio Borges Santana para a Coordenação do Distrito Sanitário Especial Indígena Xavante (DSEI), sede Barra do Garças. O imbróglio já se arrasta há algum tempo e tem causado prejuízo a algumas das principais etnias de Mato Grosso, notadamente no vale do Araguaia.  

Leia mais »

Índios Kanamari apontam massacre na segunda maior Terra Indígena do Brasil

Em fevereiro de 2017, na segunda maior Terra Indígena (TI) do Brasil, mais uma chacina pode ter passado despercebida aos olhos das autoridades. Indígenas Kanamari denunciaram, durante um encontro da etnia em junho, um ataque à tribo isolada dos Warikama Djapar, como são chamados pelos Kanamari. O massacre teria vitimado entre 9 e 18 pessoas. O número ainda está sendo apurado, e pode ter um grande proprietário de terras da região como mandante. 

Leia mais »

TRF1 determina instalação de posto de saúde para atender às comunidades indígenas Lapaz e Hokomanawo

Seguindo entendimento do Ministério Público Federal (MPF), a 5ª Turma do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) decidiu, por unanimidade, que a União instale, no prazo de 180 dias, um posto de saúde para atender as comunidades indígenas Lapaz e Hokomanawo (ou Hokomawë), adotando as medidas necessárias para o regular funcionamento do posto de forma continuada.

Leia mais »

Secretário da SESAI manifesta interesse em firmar acordo que regulamenta pistas de pouso da Funai

Em visita ao presidente interino da Funai, Franklimberg de Freitas, o secretário da Secretaria Especial da Saúde Indígena (SESAI), Marco Antônio Toccolini, reafirmou a intenção da secretaria em firmar um Acordo de Cooperação Técnica para a regulamentação das pistas de pouso pertencentes à Funai, permitindo que mais saúde e remédios cheguem às aldeias. 

Leia mais »