Ciência colaborativa mantém línguas indígenas vivas

A língua é elemento fundamental da identidade de um povo e um dos mais dinâmicos. O seu uso e sua constante transformação fazem da língua elemento vivo representativo de distintos momentos históricos da vida de uma sociedade. A Unesco escolheu 2019 como o Ano Internacional das Línguas Indígenas.

Leia mais »

Projeto de extensão do IFMA traduz livro paradidático para idioma tupi

Histórias do céu contadas por Zahy e Tatá – ou na versão tupi Ywak Rehe Ma’e Imune’u Haw Zahy-Tatá Wanemimume’e Kwer –, foi recentemente traduzido pelo professor de língua indígena Antônio Gomes Guajajara. A obra foi escrita pela pedagoga Maria José Ribeiro de Sá e pelos professores do Instituto Federal do Maranhão Campus Imperatriz Daniela de Sousa Cortez, Rivelino Cunha Vilela, Silvia Lilian, coletivamente com estudantes do curso de Licenciatura em Física.

Livro “Histórias do céu contadas por Zahy e Tatá” – na foto, em versão tupi “Ywak Rehe Ma’e Imune’u Haw Zahy-Tatá Wanemimume’e Kwer”.

Leia mais »

Curar en lenguas indígenas

Un grupo de estudiantes de la Universidad Cayetano Heredia da clases de quechua, aimara y shipibo-konibo, de forma vivencial, a jóvenes profesionales de la salud que están a punto de hacer el Serum.

Mujer de etnia matsigenka realizando una curación con plantas medicinales en la comunidad nativa de Sepahua (Ucayali). Foto: Beatriz García Blasco

Mujer de etnia matsigenka realizando una curación con plantas medicinales en la comunidad nativa de Sepahua (Ucayali). Foto: Beatriz García Blasco

Leia mais »

ESPECIAL: Em Roraima, cursos ajudam a preservar línguas indígenas

Desde 2009, cerca de 2 mil alunos foram certificados nos estudos das línguas macuxi e wapichana. “Esse foi um espaço para o meu reconhecimento, para valorizar a minha própria identidade”, diz aluna e professora de wapichana, diz Jama Perry, professora de wapichana.

Leia mais »

Brasil é parceiro do ano internacional das Línguas Indígenas lançado pela Unesco

A Organização das Nações Unidas para a Educação a Ciência e a Cultura (Unesco) lança oficialmente em Paris, nesta segunda-feira, 28 de janeiro, o Ano Internacional das Línguas Indígenas.

Leia mais »

A ONU declara 2019 como ano das Línguas Indígenas. Palavras do Papa em defesa dos nativos

O Ano Internacional das Línguas Indígenas declarado pela ONU é essencial para destacar a necessidade de preservar e revitalizar este patrimônio mundial. O Papa na “Laudato sì”: o desaparecimento de uma cultura pode ser mais grave do que o desaparecimento de uma espécie animal. Um missionário que vive na Amazônia declara: “Aqui 390 povos e 240 idiomas falados”.

Leia mais »

2019 – Ano Internacional das Línguas Indígenas

A Unesco entende que o idioma é fundamental nos âmbitos da proteção dos direitos humanos, da boa governabilidade, da consolidação da paz, da reconciliação e do desenvolvimento sustentável.

Leia mais »

¿Qué se promoverá en el Año Internacional de las Lenguas Indígenas?

Con la finalidad de sensibilizar a la sociedad sobre la contribución de las lenguas a la diversidad cultural en el mundo, la Organización de las Naciones Unidas (ONU), declaró el 2019 como el Año Internacional de las Lenguas Indígenas.

ONU declaró el 2019 como el Año Internacional de las Lenguas Indígenas / Foto: UNESCO

Leia mais »

Após recomendação do MPF, curso de Licenciatura Intercultural Indígena será iniciado em 2019

Com início previsto para 2019, o curso de Licenciatura Intercultural Indígena deve ser oferecido, fruto de parceria entre a Secretaria Municipal de Educação (Semed), a Universidade Federal do Amazonas (Ufam) e a Associação das Mulheres do Alto Rio Negro, para formação de professores indígenas no Amazonas. A informação foi apresentada ao Ministério Público Federal (MPF) no Amazonas pela Semed, em resposta a recomendação da instituição sobre medidas para melhorar a qualidade e garantir a regularização da educação indígena em Manaus.

Leia mais »

Inscrições abertas para I Encontro dos Professores e Intérpretes de Línguas Indígenas de Roraima

A Universidade Federal de Roraima divulga que, de 11 a 13 de dezembro, ocorre o I Encontro dos Professores e Interpretes de Língua Indígena de Roraima. As atividades serão realizadas no Centro Amazônico de Fronteiras (CAF).

Leia mais »

Primeiro encontro de professores e intérpretes de línguas indígenas de Roraima

A Organização dos Professores Indígenas de Roraima(OPIRR) e o Programa de Valorização das Línguas e Culturas Macuxi e Wapichana realizam na próxima semana, 11, 12 e 13 de dezembro, o 1º Encontro de Professores e Intérpretes de Línguas Indígenas de Roraima.

Leia mais »

Diversidade linguística e patrimônio cultural são temas de seminário no Museu Goeldi

Nesta quarta (28) e quinta-feira (29), o Auditório Alexandre Rodrigues Ferreira, no Parque Zoobotânico, recebe o evento dedicado às discussões sobre a diversidade linguística do país. Só em relação às línguas indígenas do Brasil, estima-se que cerca de 150 correm o risco de desaparecer e a maioria delas está na Amazônia.

Leia mais »

Pela sobrevivência das línguas indígenas

Com auxílio de tecnologia, pesquisadores atuam para evitar desaparecimento de idiomas nativos existentes no Brasil.

As cerca de 170 línguas indígenas faladas no país constituem hoje importante objeto de pesquisa na área da linguística. Trata-se de uma luta contra o tempo.

Arte: Arthur Vergani

Leia mais »