Ministério da Saúde investe mais de R$ 190 milhões no Distrito Sanitário Especial Indígena de Manaus

Assistência permitiu renovação da frota de veículos e aquisição das primeiras ambulâncias fluviais da região, fortalecendo o SUS             

Desde 2019, o Ministério da Saúde investiu pelo menos R$ 192 milhões na assistência e melhoria da infraestrutura de atendimento aos povos tradicionais atendidos pelo Distrito Sanitário Especial Indígena (Dsei) Manaus. O Biênio 2019-2020 contou com investimentos de cerca de R$ 85 milhões. Já em 2021-2022, chegaram a R$ 107 milhões.

“Uma das prioridades do Ministério da Saúde é a saúde indígena. Estive visitando diversas etnias e acompanhei os atendimentos feitos na Atenção Primária, inclusive a vacinação contra a Covid-19”, afirma o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, que está em agenda na região nesta sexta-feira (16).

Com o investimento nos últimos anos, foram adquiridas 13 novas lanchas, 25 novos motores de popa, além da reforma e revitalização de 15 lanchas e aquisição de duas ambulâncias fluviais, as ambulanchas, as primeiras da história do Dsei Manaus.

Dados do Dsei destacam que foram feitos 42 mil atendimentos por médicos, 260 mil atendimentos por enfermeiros, 50 mil atendimentos odontológicos e mais de 500 mil atendimentos realizados pelos auxiliares de enfermagem.

O quadro de funcionários aumentou: foram mais 120 servidores para a área de saúde nos anos de 2021 e 2022. O Dsei Manaus conta com 19 dentistas, 56 enfermeiros, 124 técnicos de enfermagem, 249 agentes indígenas em saúde, além de outros profissionais que, juntos, somam mais de mil servidores.

Quanto ao transporte terrestre, foi renovada 100% da frota de carros com aquisição de 20 pick ups zero quilômetro. Um caminhão baú também foi adquirido para agilizar a logística do Distrito.

Em breve, quatro vans serão incorporadas à frota. No campo da infraestrutura, foram construídos cinco sistemas de abastecimento de água completos e já com sistema de energia solar implantando, trazendo bem-estar e sustentabilidade, além de energia limpa às aldeias.

O Distrito Sanitário Especial Indígena é a unidade gestora descentralizada do Subsistema de Atenção à Saúde Indígena (SasiSUS). Há 34 DSEIs divididos estrategicamente por critérios territoriais, tendo como base a ocupação geográfica das comunidades indígenas.

Nathan Victor
Ministério da Saúde – SAÚDE INDÍGENA – SESAI     

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: