SESAI e Associação Doutores da Amazônia levam atendimento especializado ao DSEI Xingu

A ação “SESAI Mais Saúde Indígena” leva atendimento médico especializado e tratamento odontológico com tecnologia de última geração à população indígena da região do Alto Xingu, no Mato Grosso, entre 12 e 26 de julho.

Postada em: SESAI

A ação é uma parceria da Secretaria Especial de Saúde Indígena (SESAI), do Ministério da Saúde, com a Associação Doutores da Amazônia que prestará atendimentos e serviços de saúde no Polo Base Leonardo do Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI) Xingu.

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, participa da abertura oficial da ação, nesta segunda-feira, 12 de julho. O secretário especial de Saúde Indígena, Robson Santos da Silva, e o coordenador do DSEI Xingu, Quintanilha da Silva, acompanham a ação junto com representantes do Governo do Estado do Mato Grosso e autoridades locais.

O objetivo é levar atendimento especializado que geralmente é ofertado na rede hospitalar do Sistema Único de Saúde (SUS) das cidades mais próximas. Serão montados consultórios provisórios para atendimento com médicos pediatra, ginecologista, oftalmologista, obstetra, intensivista e clínico-geral. Os pacientes são triados pela Equipe Multidisciplinar de Saúde Indígena (EMSI) do DSEI Xingu que darão apoio aos especialistas no local.

Exames de vista, refração e de fundo de olho serão realizados com oftalmologistas e os pacientes receberão óculos confeccionados sob medida. Os indígenas também terão tratamento odontológico completo com restauração, tratamento de canal, implantes e confecção de próteses dentárias. Dois sistemas CADCAM estarão à disposição para a confecção de próteses em 15 minutos.

Testes sorológicos, exames laboratoriais e clínicos como ultrassonografia, radiografia, Papanicolau, entre outros, serão feitos no local com laudo médico. A Associação Doutores da Amazônia junto com o DSEI Xingu montou, ainda, uma farmácia no local para fornecimento gratuito das medicações com receituário e acompanhamento de farmacêutico.

A escolha da área foi pactuada com as lideranças locais e a ação terá capacidade para realizar 6 mil atendimentos. Serão contempladas 24 aldeias, de 16 etnias, em área de abrangência dos municípios de Canarana, Feliz Natal, Gaúcha do Norte, Marcelândia, Nova Ubiratã, Paranatinga, Querência, São Felix do Araguaia e São José do Xingu. Esta é a maior ação organizada pela Associação Doutores da Amazônia desde sua fundação, em 2014, e é a 11ª ação realizada em parceria com a SESAI em área indígena. Todos os participantes da ação foram testados para Covid-19 e apresentaram resultado negativo para o embarque.

O Ministério da Defesa apoia a ação com logística de transporte e alojamentos através da Força Aérea Brasileira e Exército Brasileiro. A Força Aérea transportou 1,5 tonelada de suprimentos odontológicos e medicamentos. Os indígenas serão transportados diariamente de suas aldeias até o Polo Base Leonardo para atendimento pelo Exército Brasileiro. Para evitar aglomeração, os atendimentos diários serão organizados por aldeia e etnia.

O DSEI Xingu leva serviços básicos de saúde a cerca de 8 mil indígenas, de 16 etnias, que vivem em 120 aldeias. O Distrito possui 287 profissionais de saúde, entre eles Agentes Indígenas de Saúde (AIS) e Agentes Indígenas de Saneamento (AISAN) que moram nas aldeias, e prestam atendimento em 4 Polos Bases, 10 Unidades Básicas de Saúde Indígena (UBSI), 4 Casas de Apoio à Saúde Indígena (CASAI) e em visitas às comunidades.

O DSEI Xingu tem 3,9 mil indígenas com 18 anos ou mais, aptos a receberem o imunizante contra a Covid-19, e já vacinou 79% da população com a primeira dose e 65% com a segunda dose. Durante a ação de saúde, também será reforçada a campanha de vacinação contra o novo coronavírus e a atualização vacinal contra outras doenças imuno-preveníveis como influenza, sarampo e rubéola.

Por Cristiane Hidaka – Nucom/SESAI 

PUBLICADA POR:  SAÚDE INDÍGENA MINISTÉRIO DA SAÚDE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*