As empolgantes descobertas da expedição a uma região isolada do Brasil

Incursão inédita à Serra do Imeri, no norte da Amazônia, encontra novas espécies de plantas e animais e confirma a exuberância da biodiversidade brasileira

Crédito: Herton Escobar (USP) e Paulina Chamorro (Vozes do Planeta)

Em dezembro de 1831, o britânico Charles Darwin deixou o Porto de Plymouth, na Inglaterra, em uma aventura que marcaria sua carreira e forneceria as bases que o levariam a criar a teoria da evolução, descrita no seminal clássico A Origem das Espécies, publicado em 1859.

Quase 200 anos depois, o ímpeto darwiniano resiste. Um grupo de cientistas liderado pelo professor e explorador brasileiro Miguel Trefaut Rodrigues, do Departamento de Zoologia da Universidade de São Paulo (USP), desbravou a Serra do Imeri, uma cadeia isolada de montanhas a 1900 metros de altitude no norte da Amazônia

Por Marilia Monitchele

TEXTO NA ÍNTEGRA DISPONÍVEL EM: As empolgantes descobertas da expedição a uma região isolada do Brasil | VEJA (abril.com.br)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: