FAB conclui com sucesso participação na Operação Ágata Amazônia

Operação contou com 14 aeronaves e o apoio de satélites

A Força Aérea Brasileira (FAB) encerrou, no sábado (02), sua participação na Operação Ágata Conjunta Amazônia. Ao todo, foram empregadas 14 aeronaves das aviações de Caça, Asas Rotativas, Transporte e Reconhecimento em ações preventivas e repressivas contra crimes como contrabando, descaminho e narcotráfico, além de exploração mineral e garimpo ilegais, praticados na faixa de fronteira.

A FAB utilizou ainda os sistemas de satélites controlados pelo Centro de Operações Espaciais (COPE), Unidade subordinada ao Comando de Operações Aeroespaciais (COMAE), que possibilitaram o monitoramento de mais de 225 mil km² da Floresta Amazônica, auxiliando na localização de possíveis ilícitos e crimes ambientais.

A intensificação das ações da Operação Ágata Conjunta Amazônia resultou em apreensões de equipamentos de garimpo ilegal, além de flagrantes de degradação ambiental por meio dos patrulhamentos fluviais, terrestres e aéreos realizados durante o mês de março na região da tríplice fronteira, entre São Gabriel da Cachoeira/AM e Tabatinga/AM.

A Operação, que também reforçou o controle aduaneiro e apoiou indígenas e demais residentes na faixa de fronteira, ocorreu de modo articulado entre militares da Marinha do Brasil, do Exército Brasileiro e da Força Aérea Brasileira, realizando ações preventivas e repressivas junto a Polícia Federal, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA), o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e a Secretaria de Segurança Pública do Estado do Amazonas (SSP-AM).

Operação concluída

Com o emprego de 1,5 mil militares, e dispondo de  embarcações,  navios-patrulha,  navio de assistência hospitalar e  aeronaves, que executaram as ações para desarticulação de diversos crimes, a operação chega ao fim com um saldo positivo de contribuição para a redução dos delitos transfronteiriços e ambientais.

Com mais de 300 horas de voo, a Força Aérea Brasileira cumpriu mais uma vez a sua missão de defender e integrar o território nacional, com vistas a garantir a soberania da pátria.

Fonte: Ten Antonio Gonçalves / CECOMSAER
Edição: Agência Força Aérea – Revisão: Ten Cel Av Pinheiro

Fotos: Suboficial Johnson e Arquivo COPE

PUBLICADO POR:   FORÇA AÉREA BRASILEIRA – FAB

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: