21/05/2022 – Previsão de riscos geo-hidrológicos

Neste sábado (21/05/2022), o cenário de risco de eventos geo-hidrológicos para as mesorregiões do Brasil é apresentado a seguir:

Risco Hidrológico 

● Região Norte:  Amazonas, Roraima, Pará e Amapá.

Considera-se ALTA a possibilidade de ocorrência de inundações na mesoregião Centro Amazonense devido à previsão de chuvas acima da média na bacia amazônica favorecendo a subida dos níveis dos Rios Negro e Solimões, que já se encontram próximos das cotas críticas de transbordamento, e também à propagação da onda de cheia (Figura 1).

Considera-se MODERADA a possibilidade de ocorrência de inundações nas mesorregiões Sudoeste do Amazonas, Baixo Amazonas e Marajó no Pará, todo o estado de Roraima, e Sul do Amapá, devido aos níveis ainda elevados dos Rios Negro e Solimões e à propagação da onda de cheia do rio Amazonas. Ressalta-se que em caso de ocorrências, o impacto para a população pode ser acima do nível moderado  (Figura 1).

Considera-se MODERADA a possibilidade de ocorrência de inundações na mesorregião Região Metropolitana de Belém, devido à previsão de chuva com intensidade moderada a forte.  Assim, não se descarta a possibilidade de ocorrência de inundações e enxurradas urbanas. Ressalta-se que em caso de possíveis ocorrências, o impacto para a população pode ser além do nível moderado  (Figura 1).

Figura 1 – Possibilidade de ocorrência de inundações e enxurradas em ao menos um município das mesorregiões indicadas. Este mapa é elaborado por uma equipe multidisciplinar, levando em consideração os cenários de riscos hidrológicos atuais somados à previsão de chuva.

● Região Nordeste:  Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas e Sergipe.

Considera-se MODERADA a possibilidade de ocorrência de alagamentos e inundações urbanas nas mesorregiões do Leste Potiguar, Mata Paraibana e Pernambucana, Metropolitana de Recife,  Leste Alagoano e Leste de Sergipe devido aos acumulados de chuva dos dias anteriores e à previsão de chuva com intensidade moderada a forte.  Assim, não se descarta a possibilidade de ocorrência de inundações e enxurradas urbanas. Ressalta-se que em caso de possíveis ocorrências, o impacto para a população pode ser além do nível moderado  (Figura 1).

Risco Geológico 

 ● Região Nordeste:  Alagoas e Pernambuco. 

Considera-se MODERADA a possibilidade de movimentos de massa nas Regiões Metropolitanas de Alagoas e Recife, devido à previsão meteorológica indicar possibilidade de chuva moderada a forte ao longo do dia, que poderá deflagrar deslizamentos pontuais nas áreas com suscetibilidade (Figura 2).

Figura 2 – Possibilidade de ocorrência de deslizamentos em ao menos um município das mesorregiões (e/ou subdivisões regionais) indicadas. Este mapa é elaborado por uma equipe multidisciplinar, levando em consideração as condições dos cenários de riscos geológicos atuais somados à previsão de chuva.

Gostaria de contribuir registrando ocorrência de eventos de caráter geodinâmico (movimento de massa) e/ou hidrológico (inundação e/ou enxurrada) no seu município?  Sua informação é bem-vinda,  mesmo  ocorrências pequenas são de extrema importância para avaliar a qualidade dos alertas emitidos pelo CEMADEN.
Por gentileza, preencha o breve questionário no link abaixo:

http://www2.cemaden.gov.br/ocorrencias/index.php 

PUBLICADO POR:  CEMADEN  – CENTRO NACIONAL DE MONITORAÇÃO E ALERTA DE DESASTRES NATURAIS

Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: