Saúde investe R$ 2,1 milhões na reforma e ampliação da Casa de Saúde Indígena em Rio Branco (AC)

Unidade passa por melhorias nas estruturas de alojamento comum e de isolamento, além das salas de atendimentos de saúde

Foto: Myke Sena/MS

Em uma série de agendas no Acre, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, assinou, nesta segunda-feira (31), uma ordem de serviço para obras de reforma e ampliação da Casa de Saúde Indígena (Casai) de Rio Branco. O local, que é referência no atendimento aos indígenas da região, receberá um investimento de R$ 2,1 milhões do Governo Federal. Ao todo, serão R$ 656,4 mil destinados para ampliação e R$ 1,4 milhão para as reformas da unidade.

“O objetivo da visita é conhecer de perto a realidade das populações indígenas brasileiras. Estamos aqui para verificar se as políticas públicas da região de fato têm concretude. Temos compromisso com a dignidade da pessoa humana e a maneira mais eloquente de se prestigiar essa dignidade é por meio do direito à saúde”, afirmou Queiroga, que estava acompanhado pelo secretário de Saúde Indígena, Robson Santos da Silva e pela a representante da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS/OMS) no Brasil, Socorro Gross.

A reforma prevê ampliação de um bloco administrativo, melhorias nas estruturas de alojamento comum e de isolamento, além das salas de atendimentos de saúde. Com as obras, será possível sanar problemas de climatização, vazamentos e outros detalhes nos banheiros interditados, além de melhorar a cozinha. O espaço não passa por reformas desde 2014.

Atualmente, a Casai atende os indígenas dos DSEI Alto Rio Purus e Alto Rio Juruá, além de casos referenciados do Envira. Ao todo, 120 pessoas, entre pacientes e acompanhantes, são atendidos na unidade.

Saúde indígena

O ministro da Saúde também conheceu nesta segunda-feira (31) a Escola de Saúde Maria Moreira, que está passando por reformas e ampliação com recursos locais. A escola é responsável por formar grande parte dos trabalhadores de saúde do estado, incluindo os profissionais de saúde indígena.

Ainda no Acre, Queiroga visitou o Polo Base Sena Madureira, do Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI) Alto Rio Purus, na aldeia São Paulino.

Gustavo Frasão  – MINISTÉRIO DA SAÚDE   

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: