Secretário de Estado dos EUA visita RR; Brasil reafirma apoio a Guaidó

Pompeo passou ainda por Guiana e Suriname, e iria para Colômbia hoje

O secretário de Estado norte-americano, Mike Pompeo, visitou o estado de Roraima nessa sexta-feira. O estado brasileiro faz fronteira com a Venezuela.

Na capital roraimense, Boa Vista, ele visitou um posto da operação Acolhida – ação do governo federal para atendimento a imigrantes venezuelanos. A Venezuela passa por uma grave crise política e econômica.

Pompeo destacou que os Estados Unidos já destinaram US$ 50 de milhões ao Brasil por meio de agências como o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados para atendimento aos venezuelanos. Essa semana, Pompeo também esteve no Suriname e na Guiana.

Os Estados Unidos tentam fortalecer as relações bilaterais com esses países contra o que eles chamam de regime ilegítimo de Nicolás Maduro.

Como os norte-americanos, o Brasil é contrário a realização das eleições legislativas convocadas por Maduro para dezembro. A posição é a mesma do autoproclamado presidente Juan Guaidó – o venezuelano defende que a oposição não participe do pleito.

O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, ratificou o apoio a Guaidó.

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, criticou a visita do secretário de Estado dos Estados Unidos à fronteira do Brasil com a Venezuela.

Em nota, Maia diz que a visita às instalações da Operação Acolhida, em Roraima, junto à fronteira, no momento em que faltam apenas 46 dias para as eleições presidenciais norte-americanas, não condiz com a boa prática diplomática internacional e afronta as tradições de autonomia e altivez de nossas políticas externa e de defesa.

Publicado em sábado, 19 Setembro, 2020 – 10:51 Por Renata Martins – Brasília – Edição: Sumaia Villela

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.