Em parceria com a Funai, Expedicionários da Saúde atendem comunidades indígenas de Santarém no Pará

A Funai participou da 44ª expedição do projeto Expedicionários da Saúde (EDS) que ocorreu na Comunidade de São Miguel, região de Santarém, Rio Arapiuns, no estado do Pará. Foram atendidos indígenas das etnias Arapiuns, Tupaiú, Borari, Tupinambá, entre outros, além de habitantes ribeirinhos.

A chefe da CGPDS/Funai, profª. drª. Erli Helena Gonçalves [à direita], com as equipes da Sesai e Expedicionários da Saúde (fotos divulgação)

Entre 2 e 9 de dezembro, a equipe de saúde realizou cerca de 395 atendimentos cirúrgicos, 3.926 atendimentos ambulatoriais, 2.401 consultas e 9.571 exames e procedimentos. Diversos serviços foram ofertados tais como: cirurgias de catarata, hérnia e pterígio; consultas nas especialidades de ginecologia, pediatria, clínica geral, dermatologia, odontologia e oftalmologia com aferição da visão e doação de 1.770 óculos.

A ação contou com a presença da Coordenadora-Geral de Promoção dos Direitos Sociais da Funai, a profª. drª. Erli Helena Gonçalves, que realizou duas reuniões com lideranças indígenas e ouviu demandas. “A Funai está aberta ao diálogo e a parcerias para proporcionar melhor qualidade de vida aos povos indígenas”, comenta a Coordenadora.

Vários órgãos também estiveram envolvidos, como a Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai), o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), o Exército, a Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa), o Ministério Público do Estado do Pará, a Prefeitura de Santarém, a Secretaria de Estado de Saúde Pública do Pará (Sespa) e o Projeto Saúde Alegria, entre outros.

Reunião com lideranças indígenas

 

Assessoria de Comunicação Social/Funai

e Coordenação-Geral de Promoção dos Direitos Sociais   

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: