Terras indígenas também são alvo de desmatamento, aponta novo sistema

Do total de alertas de alteração na cobertura vegetal, mais de 95% ocorreram sem autorização dos órgãos competentes.

De outubro a março, quatro dos principais sistemas que monitoram a cobertura vegetal no Brasil emitiram 4.577 alertas de desmatamento nos seis biomas. O dado impressionante é que pelo menos 312 alertas aconteceram em 94 Unidades de Conservação e 101 alertas foram registrados em Terras Indígenas.

Do total de alertas de alteração na cobertura vegetal, mais de 95% ocorreram sem autorização dos órgãos competentes. Unidades de Conservação, Terras Indígenas e áreas sem destinação (áreas devolutas) foram as mais pressionadas. Os dados fazem parte de um sistema de alertas das mudanças do uso do solo no território brasileiro que será lançado hoje, em Brasília.

O MapBiomas Alerta é um esforço conjunto de 15 instituições entre universidades, institutos de pesquisa e ONGs. Entre elas, estão a Fundação SOS Mata Atlântica, o Google, a Universidade Federal do Rio Grande do Sul e o Instituto Tecnológico Vale.

Veja o texto na íntegra: Valor Econômico

O Valor Econômico não autoriza a reprodução do seu conteúdo na íntegra para quem não é assinante.

VER MAIS EM: Jornal da Ciência

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.