Na Trilha da História aborda a maternidade

Episódio traz a entrevista com a historiadora Mary Del Priore, especialista em História da vida privada, para falar sobre gestação, parto, amamentação e criação dos filhos

Foto postada em: EBC Rádios

Nesta semana em que comemoramos o Dia das Mães, o Na Trilha da História tem como convidada a historiadora Mary Del Priore para falar sobre as mudanças ao longo do tempo relacionadas à gestação, ao parto, à amamentação e à criação dos filhos. A pesquisadora lançou recentemente a segunda edição do livro Sobreviventes e Guerreiras – Uma breve História da mulher no Brasil, pela editora Planeta.

Durante a entrevista, a historiadora lembrou que gerar filhos sempre foi o principal papel da mulher ao longo da História. Seja na cultura europeia ou africana, uma mulher estéril era veementemente rejeitada. Mas apesar de serem as principais responsáveis pela continuação da humanidade, as grávidas geralmente não eram vistas com deferência, celebração ou exaltadas pela força do corpo feminino. Pelo contrário. Até o início do século XX, as gestantes eram tratadas como doentes e a gravidez não era algo comentado em público.

A exibição da barriga, então, era uma atitude impensável até pouco tempo atrás. No início dos anos 70, por exemplo, a atriz Leila Diniz foi fotografada na praia de biquini aos seis meses de gestação. A imagem estampou os jornais e chocou a sociedade da época.

Trilha Sonora

Todas as músicas deste episódio foram compostas ou interpretadas por mães em homenagem aos seus filhos. Confira a lista: Clareana (composição e interpretação de Joyce Moreno); 1º de julho (composição de Renato Russo e interpretação de Cássia Eller); Oito anos (composição e interpretação de Paula Toller; Cria (composição de César Belieny e Serginho Meriti / interpretação de Maria Rita); e Reconhecimento (composição e interpretação de Isadora Canto).

Conheça o Na Trilha da História:

Confira os horários do programa:

Sábado, 8h: Rádio Nacional FM Brasília 96,1 MHz, com reprise na quinta-feira, às 22h;

Sábado, 11h: Rádio Nacional de Brasília AM 980 kHz; com reprise no domingo, às 11h;

Domingo, 11h: Rádio Nacional Rio de Janeiro 1.130kHz;

Sábado, 7h: Rádio MEC do Rio 800kHz;

Sábado, 11h (horário de Brasília): Rádio Nacional da Amazônia 11.780kHz e 6.180kHz em rede com a Rádio Nacional do Alto Solimões AM 670 kHz, FM 96,1 MHz, com reprise no domingo, às 11h.

Na Trilha da História é apresentado pela jornalista Isabela Azevedo. Sugestões para o programa podem ser enviadas para culturaearte@ebc.com.br. Caso queira receber notícias do programa pelo WhatsApp, envie uma mensagem para (61) 98375-4918.

Os áudios do Na Trilha da História podem ser disponibilizados para retransmissão, sem fins comerciais, por meio da licença Creative Commons CC BY-NC-ND. Esta licença permite que os programas sejam retransmitidos desde que não sejam editados e mantenham o crédito da Rádio Nacional e da Rádio MEC – Empresa Brasil de Comunicação (EBC). Em caso de interesse, basta enviar um e-mail para culturaearte@ebc.com.br.

PUBLICADDO POR:   EBC RÁDIOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: