Comandante da Marinha acompanha ações da Força na tríplice fronteira com Colômbia e Peru

Durante visita ao Comando do 9° Distrito Naval, o Comandante da Marinha, Almirante de Esquadra Almir Garnier Santos, esteve, em 3 de fevereiro, na sede da Capitania Fluvial de Tabatinga (CFT) localizada na região amazônica da tríplice fronteira com Colômbia e Peru.

Comandante da Marinha acompanhou atendimentos realizados a bordo do NAsH “Soares de Meirelles”

Na ocasião, o Comandante da Marinha acompanhou as atividades da CFT voltadas para a promoção da segurança da navegação, da salvaguarda da vida humana e a prevenção da poluição hídrica, em uma região estratégica da jurisdição do 9º Distrito Naval. Em 2021, na área da Amazônia Ocidental, a Marinha do Brasil inspecionou cerca de 50.000 embarcações, das quais, aproximadamente, 5.000 foram notificadas em função de alguma irregularidade e 2.000 apreendidas e retiradas de circulação.

Almirante de Esquadra Garnier durante pronunciamento aos militares na sede da CFT

Após a visita à CFT, o Almirante Garnier presenciou as ações desenvolvidas pelo Navio de Assistência Hospitalar (NAsH) “Soares de Meirelles” na comunidade de Santa Luzia, no município de Benjamin Constant (AM).

O navio, subordinado ao Comando da Flotilha do Amazonas, ofereceu atendimentos médicos, odontológicos e de enfermagem, além de exames clínicos e laboratoriais, aplicação de vacinas e distribuição de medicamentos, para os ribeirinhos da região.

“Com muito carinho, pude conversar com algumas pessoas e, assim, sentir de perto o impacto positivo do nosso apoio na vida de todos. Em 2021, os nossos ‘Navios da Esperança’ realizaram cerca de 40.000 atendimentos em 138 diferentes comunidades ribeirinhas”, declarou o Comandante da Marinha, após a visita ao NAsH “Soares de Meirelles”.

Cuidando da nossa gente

Fonte: Centro de Comunicação Social da Marinha – PUBLICADO POR:  MARINHA DO BRASIL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: