Desenvolvimento sustentável e operações na selva encerram debates no Seminário Internacional em Belém

O último dia do I Seminário Internacional de Defesa e Proteção da Amazônia (Amazon Security and Defence Exhibition – ASDX) trouxe a discussão sobre as operações na selva e a sustentabilidade para o desenvolvimento da área.

Cerca de mil participantes acompanharam os painéis e as palestras sobre o tema.

“Desafios para o Desenvolvimento Sustentável da Amazônia” foi o tema do painel que abriu o último dia do seminário, com a presença do Diretor de Patrimônio Imobiliário e Meio Ambiente do Exército, General de Brigada Paulo Alípio Branco Valença, e do Reitor da Universidade Federal do Pará, Dr. Emmanuel Zagury Tourinho. Em seguida, a palestra sobre o “Curso de Operações na Selva” foi ministrada pelo Comandante do Centro de Instrução de Guerra na Selva, Coronel Mário Flávio de Albuquerque Brayner.

À tarde, foi a vez de abordar “A Importância dos Projetos Estratégicos das Forças Armadas para a Defesa e Proteção da Amazônia”, painel que contou com as presenças do Chefe do Estado-Maior do Exército, General de Exército Walter Souza Braga Netto, e do Comandante do 4º Distrito Naval, Vice-Almirante Newton de Almeida Costa Neto.

A ASDX foi finalizada com a palestra “A Colômbia e as Operações na Selva”, do Adido da Colômbia, Coronel Raul Alonso Parra Bayona. Para ele, esse tipo de atividade é imprescindível, pois, além de congregar os países que fazem parte da Amazônia, é uma oportunidade de conceber ações conjuntas para defender e proteger esse bioma tão importante para todo o planeta.

Durante o encerramento do evento, o Comandante Militar do Norte, General de Exército Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, falou sobre a importância desse tipo de evento para a região amazônica, ressaltando a qualidade das palestras e dos debates, e agradeceu a parceria de todos os envolvidos no seminário.

A ASDX, que ocorreu entre os dias 12 e 14 de novembro, foi um evento internacional em que foram debatidos temas e apresentadas soluções inovadoras da indústria nacional e internacional voltadas para as Forças Armadas, as Forças de Segurança Pública, as Agências de Governo, além de tecnologias que contribuem com o desenvolvimento sustentável da Amazônia.

Fonte: CCOMSEx

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.