RR – Cheia do rio Branco: Prefeitura interdita parte da Orla Taumanan

Por conta do aumento do nível do Rio Branco, chegando a 8,30m, o acesso à Orla Taumanan pela plataforma baixa está temporariamente suspenso. A interdição ocorreu na tarde desta quarta-feira, 5, após parecer técnico feito pela Secretaria Municipal de Obras e Defesa Civil Municipal.

No entendimento da equipe de engenheiros da secretaria, a fiação elétrica localizada na parte de baixo da plataforma pode representar risco à segurança. A cada nova ocorrência de chuvas, o nível do rio sobe e vai alcançando o piso da orla. Dessa forma, foi necessária a interdição por parte da Defesa Civil.

“A estrutura da orla está intacta, mesmo com o avanço das águas. No entanto, a fiação é algo que preocupa e, para evitar qualquer incidente, os engenheiros da Secretaria Municipal de Obras, decidiram que era necessário interditar a plataforma baixa. A parte alta do local ainda está aberta à visitação, podendo ser interditada dependendo da situação do nível do rio branco”, afirmou o diretor da Defesa Civil Municipal, Amarildo Gomes.

A Guarda Civil Municipal vai fiscalizar a entrada da plataforma, impedindo o acesso de qualquer pessoa ao local. Já a Defesa Civil vai estar em constantes vistorias, acompanhando a todo o momento a situação das águas. “É importante que as pessoas tenham bom senso, pois se trata de uma importante medida de segurança. Por enquanto, a visitação na plataforma alta da orla está liberada”. 

Com o aumento do nível do Rio Branco, mais de 40 famílias já foram retiradas de áreas alagadas localizadas nos bairros Calungá, Paraviana, Cauamé, além de uma parte do Centro e da área de interesse social Caetano Filho, o “Beiral”. Grande parte buscou apoio em casas de parentes e amigos e outros foram levados ao abrigo no bairro Caimbé.

Para dar suporte às famílias, a Defesa Civil conta com o apoio dos Bombeiros Civis, além de dispor de três caminhões, barcos, serras-elétricas e maquinários para serem utilizados em situações de emergência, como corte de árvores nas áreas atingidas. Caso seja necessário apoio, as solicitações podem ser feitas através da Central de Atendimento 156.

Chuvas

De acordo com dados do Instituto Nacional de Meteorologia sediado em Manaus (Inmet/AM), no mês de junho o acumulado de chuvas registrado foi de 236,4 milímetros, volume considerado normal. O período mais chuvoso do mês aconteceu entre 08h do dia 07 e 08 do dia seguinte, com 44,4 milímetros.

“Há previsão de chuvas para os próximos dias. Numa média de sete dias, as chuvas devem ficar dentro da normalidade para o período em praticamente todo estado de Roraima, inclusive a capital”, afirmou o meteorologista Gustavo Ribeiro.

Fábio Cavalcante

 

FONTE: RORAIMA EM FOCO

 

VER MAIS EM: http://www.roraimaemfoco.com/cheia-do-rio-branco-prefeitura-interdita-parte-da-orla-taumanan/

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.