Anac interdita duas aeronaves em Roraima

Ao menos dez autos de infração serão lavrados após a Operação Curaretinga IX.

Fiscalização realizada entre 28 e 30 de março em três aeródromos de Roraima e na capital, Boa Vista, resultou na interdição de duas aeronaves e em uma Notificação de Condição Irregular (NCIA).

No total, ao menos dez autos de infração serão lavrados com a ação da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), em parceria com o Exército Brasileiro, a Polícia Federal e a Polícia Civil de Roraima.

Entre as principais ocorrências detectadas na Operação, intitulada Operação Curaretinga IX, estão: Certificado de Aeronavegabilidade suspenso, falta de diário de bordo, manobras arriscadas e aeronave sem identificação de táxi aéreo. Destaca-se o flagrante de manutenção irregular realizada em aeronave.

Os aeródromos fiscalizados foram: Pouso da Águia (Cantá); Barra do Vento (BR 174 – sentido Mucajaí); e Cataratas Poços Artesianos (Distrito Industrial de Boa Vista). Nos dois últimos, foram identificadas irregularidades e os proprietários foram notificados. Em Pouso da Águia não foram identificadas irregularidades.

Segundo o Gerente de Operações da Anac, Marcelo Lima, as empresas foram notificadas e foi dado um prazo para a correção das irregularidades. Caso não sejam resolvidos no prazo determinado, as aeronaves permanecem interditadas para voo. 

Fonte: Anac

por Portal Brasil – http://www.brasil.gov.br/infraestrutura/2017/03/anac-interdita-duas-aeronaves-em-roraima  

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.