IBGE revê divisa entre Rondônia e Mato Grosso e Vilhena ganha área de Comodoro

5 de Março de 2016  - Jaime de Agostinho
Após um ano e meio de trabalho, o grupo formado por técnicos do IBGE, SEDAM e SEPOG, apresentou a nova linha fronteiriça entre os Estados de Rondônia e Mato Grosso. O levantamento foi necessário, de acordo com José Henrique da Silva, gerente da Divisão Territorial Brasileira, para corrigir o traçado anterior, que estaria equivocado.

“Nosso trabalho na área de Vilhena-RO e Comodoro-MT é para que possamos ter uma melhor definição da linha para corrigirmos o equívoco”, disse José Henrique, e complementou: “A gente percebe que o vetor de crescimento do perímetro urbano de Vilhena está indo em direção à área rural do Mato Grosso, por isso é extremamente importante que o município e o Estado saibam exatamente aonde termina o território de Rondônia”. 

 

Pela divisa anterior, propriedades rurais registradas em Vilhena não conseguiam realizar o CER (Cadastro Ambiental Rural), porque ao fazer o georreferenciamento da área, percebia-se que ela estava no outro estado. Também pela linha anterior, parte do bairro Assossete estaria em terras do município de Comodoro (MT). 

 

De acordo com o grupo de trabalho, a proposta da nova divisa já foi validada pelos Estados de Rondônia e Mato Grosso. “As secretarias de Planejamento dos dois Estados já acordaram que a nova linha proposta será a materializada”, pontuou Celino Guimarães, da Secretaria de Estado do Planejamento Orçamento e Gestão – SEPOG. 

 

A próxima etapa de trabalho é a implantação dos novos marcos divisórios. Fase que terá o apoio da Prefeitura de Vilhena que, além da parte logística, contribuirá com a confecção dos marcos. 

 

Fonte: Folha do Sul
Autor: Rogério Perucci

VER MAIS EM: http://www.folhadosulonline.com.br/noticias.php?id_noticias=27402   

 

Nota da Ecoamazônia

O limite entre dois estados brasileiros é marcado por uma linha divisória. Linha fronteiriça é a marcação que assinala o limite entre o território brasileiro e os países limítrofes.

A sigla para o Cadastro Ambiental Rural é CAR.

 

 

 


Palavras-chave: ,


Deixe um comentário

*