AM – Rio Negro supera segunda maior cheia já registrada

 

Nesta segunda-feira (14), o nível do rio Negro chegou a 29,72 metros. A marca superou a segunda maior cheia registrada no ano de 1953, que chegou a 29,69 metros. Segundo o responsável pela medição diária no Porto de Manaus, Valderino Pereira, a expectativa é que na quarta-feira (16) a marca histórica de 2009 – quando o rio alcançou o nível máximo de 29,77 – seja superada.

 

A subida das águas já afeta as principais vias do Centro Comercial de Manaus, como a rua dos Barés, Avenida Eduardo Ribeiro e Praça Tenreiro Aranha. O problema causa transtornos. Os comerciantes sentem dificuldades para transportar e armazenar mercadorias nos depósitos.

 

O empresário Antônio Penha disse que precisou alugar um espaço para não perder os produtos que estão em um depósito na Rua dos Barés, interditada por conta das alagações.

 

Os comerciantes que sofreram com as alagações em 2009, já se antecipam para evitar prejuízos.

 

Dezesseis bairros em Manaus já foram atingidos pela cheia deste ano. De acordo com o Serviço Geológico do Brasil (CPRM), o rio Negro em Manaus pode chegar a cota de 30,13 metros em 2012.

 

Dados da Defesa Civil de Manaus, apontam que aproximadamente 3,6 mil famílias sofrerão com a subida do nível da água na capital amazonense.

 

Devido à cheia, o Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito (Manaustrans) disse que há possibilidade de interdição de algumas ruas do Centro de Manaus.

 

FONTE : Folha de Boa Vista/Portal da Amazônia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.