Mobilização de produtores rurais em Brasília pede votação do novo Código Florestal

1 de abril de 2011  - Jaime de Agostinho

Mais de 15 mil produtores rurais e representantes de diversos segmentos da sociedade civil de todos os Estados brasileiros estarão em Brasília, no próximo dia 5 de abril, na Esplanada dos Ministérios, para participar de uma mobilização que tem o objetivo de demonstrar ao Congresso Nacional a necessidade de atualizar o Código Florestal. “Os produtores rurais virão para Brasília para mostrar de forma pacífica, cívica, ao Congresso Nacional que o quadro de insegurança jurídica prejudica as atividades no campo e que por isso é preciso modernizar a legislação ambiental”, afirmou a presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), senadora Kátia Abreu. Ela lembra que a agropecuária é um “patrimônio brasileiro que não pode ser criminalizado”.

A maioria dos participantes chega na terça-feira, bem cedo, pela manhã, em 400 ônibus, com o objetivo de apoiar a modernização do Código Florestal. Ficarão concentrados na Esplanada dos Ministérios, em frente ao Congresso Nacional. “Esses produtores rurais mostrarão aos parlamentares suas angústias. Vão pedir aos deputados o voto para a atualização do Código Florestal, para regularizar as áreas de plantio”, disse a senadora Kátia Abreu. “Sem essas áreas, o preço dos alimentos vai aumentar, o que é ruim para a sociedade como um todo”, explicou a presidente da CNA.

Ao defender a aprovação da proposta de atualização do Código Florestal do deputado Aldo Rebelo (PCdoB-SP), em tramitação na Câmara, a presidente da CNA disse que os produtores podem produzir mais alimentos sem que seja preciso ocupar novas áreas, desde que a legislação ambiental seja modernizada. “As áreas que nós temos hoje são suficientes para aumentar a produção sem derrubar nenhuma árvore, mas nós precisamos de tranqüilidade, de regras claras e não de decretos, que ficam mudando todos os dias, fazendo com que os produtores se transformem em criminosos”, afirmou.

Programação – Os produtores rurais e representantes de associações e entidades civis chegarão a Brasília na terça-feira, dia 5/4, entre 8h e 9h, para participar de uma mobilização que durará o dia inteiro. Segundo o vice-presidente da CNA, deputado Homero Pereira, “o grupo não será formado apenas por produtores rurais, porque a sociedade como um todo já percebeu que outros setores também serão prejudicados pela paralisação das atividades agrícolas em função da manutenção da atual legislação ambiental”.

Às 9h, inicia a programação na Esplanada dos Ministérios, em frente ao Congresso Nacional, com a execução do Hino Nacional e um toque de berrantes. Logo após, às 9h30min, será realizada uma missa campal. Às 10h30min, começam os pronunciamentos dos parlamentares em tenda armada no canteiro da Esplanada. Na hora do almoço, será servido um arroz de carreteiro preparado em grandes panelas instaladas no local da concentração. Logo após, às 14h, os produtores e demais participantes darão um grande abraço simbólico ao Congresso. Em seguida, iniciam as visitas aos deputados, na Câmara dos Deputados. O retorno das caravanas aos seus Estados está previsto para as 17 horas. 

Assessoria de Comunicação CNA
Telefone:
(61) 2109 1411/1419
www.canaldoprodutor.com.br


Palavras-chave: , , ,


Deixe um comentário

*