Operação Amapá Mais Forte: Projeto Rondon contemplará 11 municípios do Amapá em fevereiro de 2022

Em fevereiro de 2022, alunos e professores de várias regiões do país irão se unir ao Projeto Rondon na Operação Amapá Mais Forte. Separadas por grupos, as universidades já estão se preparando, construindo e planejando oficinas para desenvolverem com as comunidades.

Foto postada em: Ministério da Defesa

A Operação atenderá 11 (onze) municípios e terá como centro regional a cidade Macapá (AP). São eles: Amapá, Calçoene, Cutias, Mazagão, Pedra Branca Do Amapari, Porto Grande, Pracuúba, Santana, Serra Do Navio, Tartarugalzinho, Vitória Do Jari. Participam da ação universidades públicas e privadas dos estados do ES, SC, SP, PR, MG, MT e RS.

A iniciativa envolve o Ministério da Defesa, por meio da Coordenação-Geral do Projeto Rondon, o governo do Amapá, a Associação dos Municípios do Estado do Amapá (AMEAP) e integrantes do 34º Batalhão de Infantaria de Selva.

Cada município receberá, por 12 dias, duas universidades com 10 integrantes cada, sendo dois professores e oito alunos por equipe. As duas equipes trabalharão com oficinas de diferentes áreas do conhecimento, divididas por:

– Conjunto “A” – Cultura, Direitos Humanos e Justiça, Educação e Saúde; e

– Conjunto “B” – Comunicação, Tecnologia e Produção, Meio Ambiente e Trabalho.

O projeto Rondon esteve no Amapá em 2007 e 2011, com as Operação Centenário da Comissão Rondon Amapá e Operação Oiapoque, respectivamente.

Ações multiplicadoras

O Projeto Rondon é uma ação interministerial de cunho político e estratégico do Governo Federal. Coordenada pelo Ministério da Defesa, tem o propósito de contribuir com o desenvolvimento da cidadania, empregando soluções sustentáveis para a inclusão social, a redução de desigualdades regionais e o fortalecimento da Soberania Nacional. Consolidando-se como instrumento eficaz na promoção do desenvolvimento sustentável e na capacitação da população dos municípios atendidos.

Nos últimos 16 anos, o Projeto Rondon realizou 85 operações, em 1.249 municípios, de 24 unidades da federação. Nessas operações, contou com 2.371 participações de instituições de ensino superior e 23.653 Rondonistas (universitários e professores), capacitando mais de 2 milhões de pessoas em todo o Brasil.

Parceria
Além do Ministério da Defesa, contribuem para o Projeto os seguintes ministérios: Agricultura, Pecuária e Abastecimento; Educação; Cidadania; Saúde; Meio Ambiente; Desenvolvimento Regional; e Secretaria de Governo da Presidência da República.

PUBLICADO POR:   MINISTÉRIO DA DEFESA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: