Mostra de cinema chega a Boa Vista e Manaus para celebrar Dia Mundial do Refugiado

Em Boa Vista e Manaus, tem início na próxima quarta-feira (20), Dia Mundial do Refugiado, a  mostra de filmes “Olhares sobre o Refúgio”. Com títulos inéditos e outros já consagrados pela crítica, festival promove exibições gratuitas até sábado (23). Sessões acontecem no SESC Roraima (em Boa Vista) e no Casarão de Ideias (em Manaus). Iniciativa é da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR) e parceiros.

Filme selecionado para a mostra de cinema do ACNUR aborda a vida de sírios no maior campo de refugiados do mundo, Zaatari, na Jordânia. Imagem: GRIFA FILMES/NÓS/Gebrueder Beetz Filmproduktion/Globo Filmes/Globo News/Canal Brasil/ZDF/Arte

Filme selecionado para a mostra de cinema do ACNUR aborda a vida de sírios no maior campo de refugiados do mundo, Zaatari, na Jordânia. Imagem: GRIFA FILMES/NÓS/Gebrueder Beetz Filmproduktion/Globo Filmes/Globo News/Canal Brasil/ZDF/Arte

Em Boa Vista e Manaus, tem início na próxima quarta-feira (20), Dia Mundial do Refugiado, a  mostra de filmes “Olhares sobre o Refúgio”. Com títulos inéditos e outros já consagrados pela crítica, festival promove exibições gratuitas até sábado (23). Sessões acontecem no SESC Roraima (em Boa Vista) e no Casarão de Ideias (em Manaus) – detalhes da programação abaixo.

A principal atração da mostra é o documentário “Zaatari – Memórias do Labirinto”, selecionado para a 23ª edição do Festival Internacional de Documentários “É Tudo Verdade”, realizado no Rio de Janeiro e em São Paulo em 2018. Intenso e surpreendente, o filme lança luz sobre a pior crise migratória na história da humanidade desde a Segunda Guerra Mundial: o conflito na Síria. A obra acompanha a busca de sírios por uma nova vida em um dos maiores campos de refugiados do mundo, na Jordânia.

O documentário é uma coprodução internacional GRIFA FILMES e NÓS, com Gebrueder Beetz Filmproduktion, Globo Filmes, Globo News, Canal Brasil e os canais ZDF/Arte, da Alemanha. A direção é de Paschoal Samora.

Outra coprodução Brasil-Alemanha que integra a programação é “Exodus: De Onde Eu Vim Não Existe Mais”. O filme apresenta a realidade de países como Sudão do Sul, Mianmar, Argélia e Togo e tem narração de Wagner Moura. Já “Ivan”, de Guto Pasko, retrata o reencontro de um homem que viveu 68 anos como refugiado com parentes e amigos em seu país de origem.

As sessões serão gratuitas e fazem parte das atividades da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR) para comemorar o dia mundial. Organismo das Nações Unidas também promoverá um festival cultural em Manaus e um seminário em Boa Vista. O festival de cinema é fruto de uma parceria com a Caritas Manaus, o centro cultural Casarão de Idéias e o SESC Roraima.

A mostra “Olhares sobre o Refúgio” também acontece em Brasília, Curitiba, Florianópolis, Porto Alegre e Rio de Janeiro. A programação completa do Dia Mundial do Refugiado no Brasil está disponível em: http://www.acnur.org.br/diadorefugiado.

Outras atividades em Amazonas e Roraima – Promovida pela Caritas Manaus, a Festa Cultural do Migrante reunirá a população refugiada e migrante da cidade numa noite de integração e celebração intercultural. O evento acontecerá no dia 23 de junho, a partir das 19h, na quadra da Paróquia São Geraldo (Rua São Geraldo, S/N, Bairro São Geraldo).

Já em Boa Vista, na manhã de quarta-feira (20), a Federação das Indústrias do Estado (FIER) realiza um seminário com empresas privadas para promover a inserção de cidadãos venezuelanos no mercado de trabalho. A iniciativa é uma parceria com o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), o governo federal e a FIER.

Sobre o Dia Mundial do Refugiado – Desde 2001, o Dia Mundial do Refugiado é comemorado em 20 de junho, de acordo com resolução aprovada pela Assembleia Geral das Nações Unidas. Para o ACNUR, a data é uma oportunidade para celebrar a coragem, a resistência e a força de todos os homens, mulheres e crianças forçados a deixar suas casas por causa de guerras, conflitos, perseguições e graves violações dos direitos humanos. Em busca de proteção, estas pessoas deixam tudo para trás – exceto a esperança e o sonho de um futuro mais seguro.

Serviço
Mostra de cinema “Olhares sobre o Refúgio” – em celebração ao Dia Mundial do Refugiado

Boa Vista
Data: 20 a 23 de junho de 2018
Horário: 19h ou 20h
Local: Sesc Boa Vista – R. João Barbosa, 143 – Mecejana
Entrada franca
https://bit.ly/2JD3fNB

20/6, às 19h – “Zaatari – Memórias do Labirinto”
21/6, às 20h – “Era o Hotel Cambridge”
22/6, às 20h – “Exodus, de onde eu vim não existe mais”
23/6, às 20h – “Ivan”

Manaus
Data: 20 a 23 junho de 2018
Horário: 18h30
Local: Casarão de Idéias – R. Barroso, 279 – Centro
Entrada franca
https://bit.ly/2JKleO0

20/6, às 18h30 – “Zaatari – Memórias do Labirinto” + Roda de Conversa com ACNUR e Caritas Manaus
21/6, às 18h30 – “Ivan”
22/6, às 18h30 – “Exodus, de onde eu vim não existe mais”
23/6, às 18h30 – curtas-metragens
“A Linguagem do Coração”
“Recomeços: sobre mulheres, refúgio e trabalho”
“Bem-Vindo ao Canadá”

Para mais informações sobre as atividades do Dia Mundial do Refugiado, entre em contato com a Unidade de Informação Pública do ACNUR no Brasil: fone (61) 3044.5722 / e-mail: brabrpi@unhcr.org


Mais notícias de:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.