Desmatamento e degradação florestal na Amazônia Legal em julho de 2015

Em julho de 2015, o SAD detectou 542 quilômetros quadrados de desmatamento na Amazônia Legal com uma cobertura de nuvens de 13% do território. Isso representou um aumento de 53% em relação a julho de 2014, quando o desmatamento somou 355 quilômetros quadrados e a cobertura de nuvens foi de 10%.   

http://amazonia.web1325.kinghost.net/2015/08/desmatamento-e-degradacao-florestal-na-amazonia-legal-em-julho-de-2015/

O desmatamento acumulado no período de agosto de 2014 a julho de 2015, correspondendo aos doze meses do calendário atual de desmatamento, totalizou 3.322 quilômetros quadrados. Houve aumento do desmatamento acumulado de 63% em relação ao período anterior (agosto de 2013 a julho de 2014), quando o desmatamento somou 2.044 quilômetros quadrados.

Em julho de 2015, a maioria (27%) do desmatamento ocorreu no Amazonas, seguido por Rondônia (22%), Mato Grosso (17%), Pará (17%), Acre (10%) e Roraima (7%).

As florestas degradadas somaram 240 quilômetros quadrados em julho de 2015. Em relação a julho de 2014 houve aumento de 147% quando a degradação florestal somou 97 quilômetros quadrados. A grande maioria (85%) ocorreu Mato Grosso, seguido pelo Pará (9%), Roraima (4%), Amazonas (1%) e Rondônia (1%).

A degradação florestal acumulada no período de agosto de 2014 a julho de 2015 totalizou 2.186 quilômetros quadrados. Em relação ao período anterior (agosto de 2013 a julho de 2014) houve aumento de 207% quando a degradação florestal somou 711 quilômetros quadrados.

Confira o boletim aqui.

Fonte: Imazon

VER MAIS EM:

http://amazonia.web1325.kinghost.net/2015/08/desmatamento-e-degradacao-florestal-na-amazonia-legal-em-julho-de-2015/

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.