Eleição de representantes do setor ambientalista no Conselho Nacional do Meio Ambiente é concluída

6 de Fevereiro de 2013  - Jaime de Agostinho

A apuração dos votos para as entidades ambientalistas que ocuparão as vagas destinadas ao Cadastro Nacional de Entidades Ambientalistas (CNEA), no Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama), aconteceu nesta segunda-feira (04;02), com transmissão pela internet. Foram eleitas 11 entidades ambientalistas, sendo duas para cada região do país e uma de âmbito nacional, para o mandato de dois anos (2013/2015).

O prazo para apresentação de recursos à Comissão Eleitoral segue até sexta-feira (08/02). O resultado final das eleições será divulgado no dia 18 de fevereiro. A votação via postal foi encerrada no dia 25 de janeiro e a via eletrônica no dia três de fevereiro.
A entidade de âmbito nacional mais votada foi o Instituto Brasileiro de Proteção Ambiental (PROAM), de São Paulo. As entidades mais votadas para representar as regiões do país foram: Instituto Guaicuy – SOS Rio das Velhas e Sociedade para Defesa do Meio Ambiente de Piracicaba – Sodemap (Sudeste); ONG Sócios da Natureza e Associação de Proteção ao Meio Ambiente de Cianorte – APROMAC (Sul); Sociedade Nordestina de Ecologia e Fundação de Proteção ao Meio Ambiente e Ecoturismo do Estado do Piauí (Nordeste); SOS Amazônia e Associação Andiroba (Norte); e, Fundação de Apoio à Vida nos Trópicos – Ecotrópica e Instituto Brasil Central – Ibrace (Centro-Oeste).

A presença destas entidades no Conama representa uma importante função na defesa da agenda ambiental, em diálogo e negociação com os demais segmentos do conselho. As entidades ambientalistas sempre tiveram assento no plenário do Conama. Desde 1989, o CNEA mantém o registro das entidades ambientalistas não governamentais atuantes no país.
ATUAÇÃO

O Conama é o mais antigo Conselho da República, criado com poder deliberativo e participação social, foi instituído pela lei nº 6.938 de 1981. Essa mesma lei estabelece a Política Nacional do Meio Ambiente (PNMA) e o Sistema Nacional de Meio Ambiente (SISNAMA).

No plenário do Conselho, são 21 entidades da sociedade civil reunidas entre as 108 instituições das esferas federal, estadual e municipal, além de empresários. Representantes do Ministério Público e da Câmara dos Deputados também são convidados, mas sem direito a voto.

SERVIÇO

Clique aqui e confira o resultado provisório.

Mais informações pelos telefones (61) 2028-1706/1207 ou pelo e-mail cnea@mma.gov.br

FONTE  :  ASCOM/MMA


Palavras-chave: , , ,


Deixe um comentário

*