Juez ordena suspender vía férrea que amenaza indígenas y ecosistema

Vale, la empresa minera más grande de Brasil, deberá cancelar momentáneamente sus planes de construir una línea férrea paralela a la existente en el estado nororiental de Pará que le permitiría incrementar la frecuencia en el transporte del mineral de hierro desde la mina de Carajás hasta una terminal portuaria en el estado de Maranhão. Leia mais »

O grito que ecoa as distorções da Amazônia brasileira – Bamburrou!

A Amazônia brasileira vive a retomada de descobertas de explorações clandestinas de ouro e diamante, principalmente nos estados do Pará, de Rondônia, Roraima e Mato Grosso. O movimento ocorre na contramão da presença relativamente organizada do garimpo em estados como Minas Gerais, onde cooperativas trabalham na exploração de pedras em estado bruto. Leia mais »

RO – Operação desativa garimpo de diamante em reserva indígena

Três garimpos ilegais de diamante, que funcionavam na Reserva Roosevelt, no sul de Rondônia, foram desativados há dois dias por fiscais do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama), da Fundação Nacional do Índio (Funai) e por agentes da Polícia Federal. Dezessete motores e caixas separadoras utilizadas para o garimpo ilegal foram destruídos. Leia mais »

Mecanização de garimpos dificulta repressão da atividade ilegal

O garimpo, como é praticado hoje na Amazônia, é caracterizado pela presença de grandes máquinas e equipamentos, diferentemente do que ocorria em épocas anteriores. A imagem clássica do garimpeiro romântico deu lugar a estruturas de grande porte, comandadas por investidores, muitas vezes, desconhecidos. Leia mais »

RR – Tântalo será explorado em Rorainópolis

O Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM) deu o assentimento prévio para que um minério pouco conhecido, o tântalo, seja extraído no Sul do Estado, atividade esta que trará benefícios financeiros e investimentos àquela região. O tântalo é usado para a fabricação de baterias de aparelhos celulares, aços espaciais, baterias de carros elétricos. A área de extração mede 780 hectares, no município de Rorainópolis. Leia mais »

Meio Ambiente – Brasil retrocede em leis federais de proteção à Amazônia

Ivo Lubrinna vem extraindo ouro há mais de 30 anos da floresta amazônica em Itaituba, no Pará. É uma atividade notoriamente suja, já que as equipes removem uma camada de solo da mata, ao longo de margens de rio, e usam mercúrio para retirar o metal precioso da lama. Leia mais »

AM – Governo vai acabar com mercúrio em garimpos

Pressionado por ambientalistas e pelo Ministério Público, como adiantou o Estado, o governo do Amazonas promete apressar o fim do uso de mercúrio na extração de ouro nos rios da Amazônia. O Conselho Estadual de Meio Ambiente, autor da resolução que regulamenta os garimpos locais, se reúne no dia 14 para decidir um prazo final para a substituição da substância. Leia mais »

AM – MPF quer evitar cumprimento de resolução que permite uso de mercúrio em garimpos de ouro

O Ministério Público Federal no Amazonas (MPF/AM) recomendou à Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (SDS) que não dê cumprimento à resolução do Conselho Estadual de Meio Ambiente do Estado do Amazonas (CEMAAM) que permite o uso de mercúrio na atividade garimpeira de ouro. A utilização do mercúrio pode representar grave ameaça à saúde humana e ao meio ambiente. Leia mais »

Ministra do Meio Ambiente diz que monitoramento da Amazônia mostra nova redução no desmatamento

A expectativa em torno de mais uma redução do desmatamento na Amazônia foi confirmada hoje (31) pela ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira. Dois dias antes da divulgação oficial dos  dados mensais de monitoramento da maior floresta tropical do planeta, a ministra disse que, apesar de o balanço geral do desmatamento registrado entre 2011 e 2012 ser favorável, os dados também apontam a necessidade de melhoria das ações de controle. Leia mais »

Ministra do Meio Ambiente: Código Florestal foi ‘dissecado’ durante três semanas

Em entrevista a Jô Soares, nesta segunda-feira (30), a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, disse que a presidente Dilma Rousseff e os outros ministros envolvidos na questão do Código Florestal ficaram por três semanas fazendo uma análise minuciosa do texto, para então propor a medida provisória que complementa o projeto aprovado pelo Congresso. Leia mais »

TERRA YANOMAMI – Garimpeiros pedem para sair da região

Desde a deflagração da Operação Xawara, há cerca de 20 dias, executada pela Polícia Federal, que culminou com a apreensão de onze aviões, oito pilotos e ainda na suspensão dos serviços de algumas empresas áreas envolvidas em garimpagem ilegal, a vida dos garimpeiros ficou mais difícil na floresta. Sem alimentação, água e outros objetos básicos, os próprios garimpeiros pedem ajuda para sair da área Yanomami. Leia mais »

Peru – Nasa capta devastação na Amazônia peruana causada por ‘corrida do ouro’

A agência especial americana, a Nasa, divulgou nesta semana imagem obtida pelo satélite Landsat 5 que mostra o avanço do desmatamento da Amazônia no Peru causado pela mineração de ouro.

Imagem de satélite feita em 2011 compara a área de Madre de Dios, uma região remota da Amazônia no Peru afetada pelo desmatamento devido à extração de ouro naquela região. (Foto: Divulgação/Nasa)

Leia mais »

TERRA YANOMAMI – Hutukara diz que pilotos voltaram a atuar

Apesar de a Justiça ter determinado a suspensão da autorização para pilotar aviões de oito profissionais apontados por suposto envolvimento na organização que financiava o garimpo ilegal na Terra Indígena Yanomami, desarticulada durante a operação Xawara, a Hutukara Associação Yanomami denunciou que esses pilotos voltaram operar na área indígena. Leia mais »

Nature – Falha na proteção às florestas tropicais

Segundo relatório publicado na Nature, quase a metade das 60 reservas estudadas sofreu um declínio na diversidade da flora e da fauna nos últimos 30 anos. As ações predatórias ao redor desses espaços são a principal razão do problema. Leia mais »

PA – Garimpo invade áreas de preservação

Os riscos apontados para a bacia do Tapajós deixam claro que a região amazônica, apesar do aumento nos índices de queda no desmatamento, continua a ser tratada como o grande almoxarifado de recursos naturais do planeta. Leia mais »

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com