Nota à Imprensa – Polícia Federal investiga morte de líder indígena e possível invasão de reserva no Amapá

No último sábado (27/7), a Polícia Federal recebeu denúncia de uma suposta invasão à Terra Indígena Waiãpi, na região de Pedra Branca do Amapari, no Amapá.

Continuar lendo Nota à Imprensa – Polícia Federal investiga morte de líder indígena e possível invasão de reserva no Amapá

NOTA DA FUNAI – TERRA INDÍGENA WAJÃPI (AP) – ATUALIZAÇÃO EM 30/07

No último sábado (27/07) a Coordenação Regional da Fundação Nacional do Índio no Amapá encaminhou para a presidência do órgão memorando informando sobre um possível ataque de garimpeiros à Terra Indígena Wajãpi na segunda-feira (22), que teria resultado na morte do líder indígena Emyra Wajãpi.

Continuar lendo NOTA DA FUNAI – TERRA INDÍGENA WAJÃPI (AP) – ATUALIZAÇÃO EM 30/07

Planalto: não há indícios de ação de garimpeiros em terra indígena

O porta-voz da Presidência da República, Otávio Rêgo Barros, disse hoje (29) que não há evidências de atuação de garimpeiros na área da terra indígena do povo Waiãpi, no Amapá.

Continuar lendo Planalto: não há indícios de ação de garimpeiros em terra indígena

NOTA DA FUNAI – Suposta invasão de Terra Indígena no Amapá – ATUALIZAÇÃO (29/07)

A Coordenação Regional da Fundação Nacional do Índio no Amapá encaminhou para a presidência do órgão, no último sábado (27), memorando com informações sobre um possível ataque de garimpeiros à Terra Indígena Waiãpi.

Continuar lendo NOTA DA FUNAI – Suposta invasão de Terra Indígena no Amapá – ATUALIZAÇÃO (29/07)

TI Wajãpi: MPF reúne órgãos públicos para criação de gabinete de gerenciamento de crise

Na manhã deste domingo (28), o Ministério Público Federal (MPF) reuniu-se com outros cinco órgãos para a formação de gabinete de gerenciamento de crise. A finalidade do grupo interinstitucional é esclarecer as circunstâncias da morte de um indígena ocorrida na Terra Indígena Wajãpi.

Reunião de formação do gabinete de crise ocorreu na manhã deste domingo. (Foto: Ludimila Miranda – Ascom MPF)

Continuar lendo TI Wajãpi: MPF reúne órgãos públicos para criação de gabinete de gerenciamento de crise

MPF no Amapá vai investigar morte de indígena e invasão de aldeia dos Wajãpi

O fim de semana foi de tensão no município de Pedra Branca do Amapari, a 200 quilômetros da capital do Amapá, Macapá. Indígenas da etnia Wajãpi denunciaram que um grupo de garimpeiros armados invadiu o território do grupo e estava acampado perto de uma das aldeias.

Continuar lendo MPF no Amapá vai investigar morte de indígena e invasão de aldeia dos Wajãpi

NOTA DA FUNAI – Suposta invasão de Terra Indígena no Amapá – ATUALIZAÇÃO (28/07)

A Coordenação Regional da Fundação Nacional do Índio no Amapá encaminhou para a presidência do órgão nesse sábado (27) memorando informando sobre um possível ataque à Terra Indígena Waiãpi.

Continuar lendo NOTA DA FUNAI – Suposta invasão de Terra Indígena no Amapá – ATUALIZAÇÃO (28/07)

Procurador diz ser prematuro atribuir morte de cacique a garimpeiros

O procurador-chefe da Procuradoria da República no Amapá, Rodolfo Soares Ribeiro Lopes, disse ser prematuro afirmar que os assassinos do cacique da aldeia Waseity, da Terra Indígena Waiãpi, sejam garimpeiros que invadiram a reserva localizada no oeste do Amapá.

Continuar lendo Procurador diz ser prematuro atribuir morte de cacique a garimpeiros

MPF investiga morte de indígena e invasão de garimpeiros na Terra Indígena Wajãpi

Instituição instaurou procedimentos para apurar conflito na área.

Arte: Secom PGR

Continuar lendo MPF investiga morte de indígena e invasão de garimpeiros na Terra Indígena Wajãpi

NOTA DA FUNAI – Suposta invasão de Terra Indígena no Amapá

Sobre a suposta invasão à Terra Indígena Waiãpi, no Amapá, a Fundação Nacional do Índio informa que assim que tomou conhecimento do fato neste sábado (27) acionou as autoridades competentes e seus servidores no local.

Destruição de Garimpo Ilegal

CMA/EB

No dia 21 de fevereiro de 2018, no contexto da Operação Escudo, cumprindo seu papel constitucional de combater crimes ambientais na faixa de fronteira, conforme estabelecem as Leis Complementares 97/1999, 117/2004 e 136/2010,  a 1ª Brigada de Infantaria de Selva , por intermédio do Comando de Fronteira Roraima/7º Batalhão de Infantaria de Selva, realizou uma incursão com trinta homens em três helicópteros do Exército, no garimpo do MUTUM, no alto do URARICOERA, a noroeste do estado, na região da Terra Indígena Yanomami.

Continuar lendo Destruição de Garimpo Ilegal

Operação da Polícia Federal investiga esquema de extração ilegal de ouro em reserva Yanomami

A Polícia Federal deflagrou na madrugada desta quinta-feira, uma operação para desarticular esquema criminoso de extração ilegal de ouro e pedras preciosas nas terras da reserva Yanomami. O esquema criminoso faturava R$ 17 milhões por mês e provocou forte degradação ambiental. 

Continuar lendo Operação da Polícia Federal investiga esquema de extração ilegal de ouro em reserva Yanomami

Funai propõe que Monumento ao Garimpeiro seja demolido em RR

O coordenador-geral da Frente de Proteção Yanomami e Ye’kuana, da Fundação Nacional do Índio (Funai), João Catalano, criticou ontem um dos principais símbolos de Roraima, o monumento ao Garimpeiro, na Praça do Centro Cívico. Ele disse que a estátua seria uma apologia ao crime e que, por isso, vai propor a demolição do monumento.    

Continuar lendo Funai propõe que Monumento ao Garimpeiro seja demolido em RR

Brasil e França devem agir contra garimpo ilegal de ouro

Com a ratificação de um acordo Brasil – França no fim de 2013 os países deverão atuar em conjunto contra o garimpo ilegal de ouro em uma faixa de 150 quilômetros em ambos os lados da fronteira entre a Guiana Francesa e o estado do Amapá (confira no mapa abaixo).  A aprovação do pacto pelo Câmara e pelo Senado aconteceu após 5 anos de tramitação, graças à passagem do presidente francês François Hollande pelo Brasil.   Continuar lendo Brasil e França devem agir contra garimpo ilegal de ouro

Yanomami – Expedição constata ação de garimpeiros

O resultado da expedição realizada mês passado na fronteira da Terra Indígena Yanomami, na região do Ajarani, foi discutido durante reunião realizada na comunidade Serrinha, município de Caracaraí, junto às lideranças do Limite Leste. O garimpo e a ocupação de fazendeiros continuam sendo os maiores problemas enfrentados pelos indígenas da localidade.

Continuar lendo Yanomami – Expedição constata ação de garimpeiros