Apesar de impunidade, federalização de crimes no campo divide opiniões

A insegurança entre trabalhadores rurais e a impunidade dos assassinatos no campo levam ativistas a defender a possibilidade de se transferir para a Justiça Federal a competência no julgamento desses crimes. No Pará,por exemplo,de dois meses para cá,seis pessoas foram assassinadas. A possibilidade de tirar os casos da competência estadual divide opiniões.

 

Leia mais »