Suiá Missú – Manifestantes contrários à retirada de não índios de terra indígena bloqueiam rodovia em Mato Grosso

Fazendeiros e trabalhadores rurais que vivem no interior da Terra Indígena Marãiwatsédé, na região nordeste de Mato Grosso, continuam bloqueando trechos da Rodovia BR-158, que liga Barra do Garça (MT) a Belém (PA). Eles protestam contra a decisão do Tribunal Regional Federal da 1ª Região que, em 2010, reconheceu a legalidade da demarcação de terras, homologada em 1998, e determinou a retirada dos ocupantes não indígenas e a recuperação das áreas degradadas. Leia mais »

AC – Indígenas exigem explicações sobre possível exploração de petróleo

Os índios entendem que a possível exploração pode causar sérios prejuízos ambientais. A Terra Indígena dos Poyanawas, no município de Mâncio Lima/AC, foi palco de um encontro, na terça e quarta-feira (4 e 5), entre representantes de 12 etnias da região do Juruá, para um debate relacionado às pesquisas sobre a possível existência de petróleo e gás natural no subsolo da região.   Leia mais »

Brasil – País lidera lista de territórios indígenas com mais incêndios em 10 anos

Nove em dez focos de queimada na Amazônia estão no Brasil, diz estudo. Dados foram levantados por organizações de países sul-americanos.

O Brasil registrou cerca de 90% de todos os focos de incêndio ocorridos na Amazônia em uma década, liderando entre os países que detêm partes do bioma, aponta um relatório divulgado na última semana por 11 organizações não governamentais. Leia mais »

Educação – Inscrições para projeto sobre a Amazônia vão até 4 de janeiro

O Ministério da Educação, disposto a estimular projetos de pesquisas na Amazônia e fomentar a formação de doutores na região Norte, lançou edital para o programa Pró-Amazônia – Biodiversidade e Sustentabilidade. Leia mais »

A biodiversidade amazônica pela visão de jovens naturalistas

Alunos que venceram a 5ª edição do Prêmio Márcio Ayres mostram como a variedade de animais e plantas faz parte do cotidiano de escolas, produtores, famílias e comunidades do Pará. Leia mais »

“Geopolítica de la Amazonía, Poder hacendal-patrimonial y acumulación capitalista” – El programa del vicepresidente Álvaro García Linera.

Las Tierras Comunitarias de Origen (TCO) y los parques nacionales están bajo control de una elite hacendal-empresarial local y de transnacionales y gobiernos extranjeros; y las organizaciones no gubernamentales (ONG) ambientalistas y las dirigencias indígenas fungen como meros instrumentos del “ambientalismo empresarial de derecha” “materializador de una acumulación capitalista medioambiental”, expone el Vicepresidente Álvaro García Linera en su nuevo libro “Geopolítica de la Amazonía, Poder hacendal-patrimonial y acumulación capitalista”.

Si bien en los países del primer mundo hay ONG que son parte de la sociedad civil, en los países del tercer mundo como Bolivia varias ONG son realmente “Organizaciones de Otros Gobiernos”, es decir un poder extranjero en territorio boliviano que define la temática, el enfoque y la línea de financiamiento desde las prioridades de ese otro gobierno, argumenta García Linera en su último libro presentado ayer en La Paz. (1)

Leia mais »

Suiá Missú – Bispo é ameaçado de morte em desocupação de área indígena em MT

Temendo pela própria vida, um dos maiores defensores do povo Xavante de Mato Grosso, o bispo emérito Dom Pedro Casaldáliga, de 84 anos, foi forçado a deixar a casa em que vive na cidade de São Félix do Araguaia, a 1.159 quilômetros de Cuiabá, por conta da retirada das famílias de posseiros da Terra Indígena de Marãiwatsédé, que deve ser entregue gradualmente aos índios da etnia a partir desta segunda-feira (10). Leia mais »

FNDF realiza licitação para contratar serviço de apoio à formação de estudantes

O Serviço Florestal Brasileiro realizará no dia 13/12 licitação para contratar serviços para apoiar a formação complementar de estudantes do último ano de cursos profissionalizantes de nível médio ou pós-médio em ciências agrárias, biológicas e ambientais. O objetivo é aumentar a oferta de profissionais para assistência técnica na área florestal e contribuir para o fortalecimento do manejo florestal na Amazônia.  Leia mais »

Jovens Guerreiras – São Gabriel da Cachoeira/AM

Em 2007 surgiu uma ideia de levar apoio às populações do Alto Rio Negro, na Amazônia Brasileira, nas áreas de educação, saúde e cidadania. Surgem as Jovens Guerreiras, voluntárias que se dedicam a ajudar.

Leia mais »

Frente em defesa do Rio Branco

Foi realizada  em 06 de dezembro uma  reunião com o objetivo de criar uma frente em defesa do Rio Branco. O evento, que contou com a participação de diversos setores da sociedade: indígenas  sindicalistas, lideranças de movimentos sociais, pescadores, produtores rurais, cientistas, ambientalistas, entre outros, decidiu pela constituição de uma comissão provisória para nortear as mobilizações em defesa do Rio Branco.

Serão indicados os participantes de cinco comissões temáticas, que serão formadas com responsabilidade nas seguintes áreas: estudo dos impactos ambientais; estudo de alternativas; divulgação; acompanhamento jurídico; e mobilização. Leia mais »

Amazônia – Fórum discute relação entre empresas e comunidades extrativistas

Os números deveriam encher os olhos de qualquer economista. O valor econômico das florestas do mundo contribui com uma cifra equivalente a US$ 4,7 trilhões, segundo os cálculos divulgados pelo gerente executivo do Instituto Ethos de Empresas e Responsabilidade Social, Caio Magri. Ele alerta, no entanto, que a incapacidade dos governos de proteger, conservar e promover o uso sustentável dos recursos da floresta quase elimina as oportunidades de lucro. Leia mais »

Faixa de Fronteira – Firmado acordo para a construção de estrada e hidrelétrica

Os ministros de Relações Exteriores do Brasil e da Guiana, Antônio Patriota e Carolyn Rodrigues, respectivamente, assinaram anteontem, em Brasília (DF), um memorando de acordo entre os dois países para que um grupo formado por técnicos faça um estudo para a construção da estrada Linden-Lethen e também para as obras de uma hidrelétrica no país vizinho. Leia mais »

Projeto Circuito da Ciência do Inpa completa 13 anos

O Projeto Circuito da Ciência do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa/MCTI) realiza, na manhã deste sábado (08), a última edição do ano de um evento que ajuda à levar o conhecimento científico para as comunidades por meio de oficinas educativas, exposições científicas e jogos educativos, socializando a informação científica produzida no Instituto. Leia mais »

La mitad de la Amazonía actual desaparecería si no se frenan presiones y amenazas

Organizaciones que integran la Red Amazónica de Información Socioambiental Georreferenciada (RAISG) lanzaron el martes el Atlas “Amazonía bajo presión”. En este se advierte que si las amenazas identificadas para proyectos viales (carreteras o multimodales), de petróleo y gas, minería o hidroeléctricas se convierten en presiones en el futuro próximo podría desaparecer hasta la mitad del bosque amazónico actual.

Leia mais »

MPF/PA – Mais de 30% das terras indígenas na Amazônia sofrerão impacto por causa de hidrelétricas, diz procurador

Mais de 30% das terras indígenas na Amazônia vão sofrer algum tipo de impacto com a construção das hidrelétricas previstas para a região. Na avaliação do procurador Felício Pontes, do Ministério Público Federal (MPF) no Pará, o projeto do governo brasileiro, que prevê a instalação de 153 empreendimentos nos próximos 20 anos, também vai afetar a vida de quase todas as populações tradicionais amazonenses. Leia mais »