Evo entre o desenvolvimentismo e a Pacha Mama

Evo Morales encontra-se em seu pior momento político desde que assumiu a presidência da Bolívia em 2005. O motivo: os protestos indígenas contra a construção de uma estrada que deveria atravessar a reserva natural do território Indígena Parque Nacional Isiboro Sécure e sua posterior repressão. A contradição que ele enfrenta é: optar por uma política desenvolvimentista ou sustentar os princípios eco-indigenistas que o levaram ao poder. O artigo é de Oscar Guisoni.

Leia mais »

“Denunciamos o assassinato covarde de mais um defensor da natureza na Amazônia”

Sábado foi assassinado o líder comunitário JOÃO CHUPEL PRIMO em Miritutuba, município de Itaituba, PA. Quem denuncia é o Dom Frei Wilmar Santin, Bispo Prelado de Itaituba.

Leia mais »

Comandante militar da Amazônia: produção de cocaína pode chegar ao Brasil

A plantação de coca no Peru já chegou a áreas baixas e úmidas da Amazônia e poderá em breve chegar ao Brasil. O alerta foi feito nesta segunda-feira (24) pelo comandante militar da Amazônia, general Eduardo Dias da Costa Villas Bôas, durante audiência pública promovida pela Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE), a respeito do tema “Vigilância de Fronteiras – organização, distribuição espacial na Amazônia e no sul do país”.

Leia mais »

PEC da Música é motivo de preocupação para bancada amazonense

A Crítica – Ao anunciar a prorrogação da Zona Franca de Manaus (ZFM) por mais 50 anos e a extensão do modelo à Região Metropolitana (RMM), a presidente Dilma Rousseff trouxe outra preocupação contraditória ao Amazonas.

Esse embrulho festivo da presidente carrega uma espécie de penduricalho prejudicial à economia e à indústria do Estado: a iminente votação da Proposta de Emenda Constitucional nº 98/2007 (PEC da Música) na Câmara dos Deputados, prevista para esta semana. Diz-se que a suspensão da votação da PEC da Música, na última quarta-feira, 19, teve o dedo do Palácio do Planalto por causa da viagem da presidente Dilma ao Amazonas. Leia mais »

Produção de gás e petróleo abre fronteira de riquezas no AM

Os investimentos bilionários não foram traduzidos na redução direta do preço para o consumidor na tarifa de energia e nas bombas dos postos de gasolina.

Manaus – Produzir petróleo e gás na Amazônia sem causar danos ambientais foi o desafio da Petrobras colocado em prática há 25 anos, com a descoberta da Província de Urucu, em Coari, na Bacia do Solimões. Ao longo desse período, a estatal investiu US$ 8,7 bilhões e estimulou a criação de uma nova matriz energética limpa e segura para Manaus e seis municípios, em fase de implantação. Leia mais »

Ponte do Rio Negro: embarcações do porto de São Raimundo vão continuar operando

A Crítica – Traduzida como sinônimo de progresso, a Ponte Rio Negro será um desastre para um grupo de pessoas que dependem do transporte aquaviário.

Do ponto de vista simbólico, a ponte é descrita como “uma mordaça na boca do rio”, nas palavras do poeta e músico Celdo Braga. Uma obra inédita no Estado que “quebrou o ritmo das águas”, completa Braga.

A desolação com a ponte pode ser observada nas expressões preocupadas dos trabalhadores das lanchas que fazem a travessia Manaus-Iranduba no Porto de São Raimundo. Leia mais »

Índios libertam funcionários da Funai na divisa do PA com MT

Sete funcionários da Funai (Fundação Nacional do Índio) e da EPE (Empresa de Pesquisa Energética) foram libertados pelos índios das etnias munduruki, kayabi e apiaká, que vivem entre os Estados do Mato Grosso e do Pará. Leia mais »

Governos debatem desenvolvimento econômico e sustentável de MT com a Copa

Um balanço das ações no Estado para receber a Copa do Mundo de 2014 será feito nesta sexta-feira (21.10) entre representantes do Governo Federal e estadual no Seminário “Desenvolvimento Regional e Exportação – Copa do Pantanal: oportunidades para o desenvolvimento econômico e sustentável de Mato Grosso”, na sede da Federação do Comércio, em Cuiabá, promovido pelo deputado federal Wellington Fagundes (PR/MT) e a Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio (CDEIC) da Câmara dos Deputados. A abertura oficial será às 9h com a presença do governador Silval Barbosa.    Leia mais »

CIENTISTAS SOBEM O TOM CONTRA NOVO CÓDIGO FLORESTAL

É A MANIFESTAÇÃO MAIS DURA DAS PRINCIPAIS SOCIEDADES CIENTÍFICAS

Em sua manifestação mais dura sobre a reforma do Código Florestal, as principais sociedades científicas brasileiras adjetivam partes do texto em análise como “injustificado” e “inconstitucional”.

A SBPC e a ABC entregaram na semana passada a senadores propostas para embasar as mudanças na lei. Para elas, a ciência não foi levada em conta no relatório do deputado Aldo Rebelo , aprovado em maio no plenário da Câmara. Leia mais »

PF apreende armas de uso militar em aldeia indígena do Amazonas

PF investiga participação de índios no narcotráfico.
Um dos fuzis possui o símbolo do Exército peruano.

Do G1 AM

A Polícia Federal (PF) apreendeu grande quantidade de armamento em uma aldeia indígena do município de Tabatinga, a 1.106 km de Manaus, na região do Alto Solimões, interior do Amazonas.

No arsenal estão um lançador de granada, dois fuzis de fabricação belga com 18 carregadores, uma sub-metralhadora ponto quarenta, uma pistola calibre nove milímetros, além de munições intactas. Todas as armas estão com a numeração raspada. Um dos fuzis possui o símbolo do Exército peruano.

Segundo a Polícia Federal, as armas entraram no Brasil pelo Peru e pertenciam ao grupo de um traficante peruano conhecido como “Ravier”, preso em março deste ano pela PF. O peruano é acusado de liderar o tráfico internacional de drogas na fronteira entre o Brasil, Peru e Colômbia.

O delegado da PF, Alexandre Rabelo, disse que as pessoas responsáveis pelo armamento foram presas e encaminhados ao presídio de Tabatinga. A PF não descarta a participação de índios no esquema de narcotráfico. “Todos os indícios serão investigados. Vamos apurar todas as possibilidades”, disse.
Todo o armamento apreendido era vigiado por dois colombianos dentro da aldeia Ticuna do Umariaçú, a poucos metros do Município de Tabatinga.
Os colombianos presos devem responder pelos crimes de tráfico de armas de fogo de uso restrito e associação para o tráfico. A pena pode chegar até nove anos de prisão.

Petrobras defende conversão de térmicas para gás no Amazonas

Valor – Apesar de a Petrobras ter um contrato de fornecimento de 5,5 milhões de metros cúbicos de gás natural por dia, para a Companhia de Gás do Amazonas (Cigás), a estatal está entregando apenas 3 milhões de metros cúbicos por dia.

A questão, segundo o gerente-geral na Petrobras da Unidade de Negócios de Exploração e Produção da Amazônia, Luiz Ferradans Mata, é que a demanda da região está aquém da capacidade de produção da estatal. O gás é escoado pelo gasoduto Urucu-Coari-Manaus, com 661 quilômetros de extensão, que foi inaugurado em novembro do ano passado. Leia mais »

Onu: jovens debatem desenvolvimento sustentável na Alemanha

Centenas de jovens de países em desenvolvimento estão reunidos em Leverkusen, na Alemanha, para debater o desenvolvimento sustentável.

Dentre os participantes estão 47 enviados especiais, designados como líderes ambientais jovens. A iniciativa é apoiada pelo Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, Pnuma. Leia mais »

Um novo olhar sobre a Amazônia é proposta da feira

Um olhar diferenciado sobre a tecnologia desenvolvida no manejo ambiental começou a ser traçado ontem durante as discussões da Amazontech 2011 que está sendo realizada em Palmas.

A abertura oficial do evento aconteceu na noite da última terça-feira, no Teatro Fernanda Montenegro e envolveu autoridades e repreentantes do Sebrae dos 9 estados que compeoem a Amazônia Legal. O ritmo da festa foi dado pela banda do Exército Brasileiro.

O governador Siqueira Campos não compareceu ao evento mas, foi representado pelo seu vice João Oliveira.  Leia mais »

Roraima participa da 6ª Feira Internacional da Amazônia

Maior evento multissetorial da região servirá para apresentar as últimas novidades de produtos fabricados.

O estado de Roraima terá a oportunidade de mostrar sua produtividade e atrair investidores na 6ª Feira Internacional da Amazônia (FIAM), que ocorrerá entre os dias 26 e 29 de outubro no pavilhão central do Studio 5, Centro de Convenções, em Manaus (AM).

Considerada o maior evento multissetorial da região, a feira tem como objetivo identificar oportunidades de negócios, valorizar o potencial de cada região, atrair e gerar investimentos e tornar conhecido cada região. Leia mais »

Audiência vai debater cidades sustentáveis

A Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável vai realizar audiência pública na quinta-feira (20) para avaliar as cidades sustentáveis. O objetivo é discutir a qualidade de vida dos moradores das cidades e a relação com o campo – provedor de alimentos, energia e matéria prima – além da mobilidade urbana. Leia mais »