Amazonas consolida vice-liderança em desmatamento com avanço na BR-319 e fronteira com estados mais devastados

Estado foi o único a registrar aumento do desmatamento nos dados do Prodes, com taxa oficial de 2022 atrás apenas do Pará. Expansão da agropecuária sobre a Amazônia e projetos de infraestrutura são o motor das recentes derrubadas no território.

Imagem postada em: INFOAMAZONIA

O Amazonas, que historicamente tinha participação discreta no desmatamento, foi o único estado da Amazônia Legal a apresentar aumento da taxa oficial de 2022, com uma alta de 13% em relação ao período anterior, um feito inédito para a série histórica do Prodes, o sistema de monitoramento anual de perda de vegetação do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

O avanço da fronteira agrícola no sul do estado e de projetos de infraestrutura sobre a floresta, como a repavimentação da BR-319, explicam boa parte dos mais de 2.600 km² devastados no Amazonas entre agosto de 2021 e julho de 2022, período levado em conta para o cálculo da taxa anual de desmatamento.

Os amazonenses foram responsáveis por mais de 22% de toda a devastação na região amazônica brasileira, perdendo somente para o Pará (4.141 km²), que representa quase 36% do desmatamento total na região. Ou seja: juntos, os dois estados representam mais da metade (58%) do que foi perdido de floresta na Amazônia no período contabilizado pelo Prodes em 2022.

Assim, o Amazonas se consolida como o segundo estado que mais desmata a floresta, posição que passou a ocupar pela primeira vez no ano passado, no lugar do Mato Grosso. Em 1990, dois anos após o início do monitoramento pelo Prodes, os amazonenses ocupavam o sétimo lugar no ranking, com apenas 3,8% da participação nas derrubadas em toda a Amazônia Legal, à frente apenas de Roraima e Amapá. Com o passar dos anos, o estado avançou na posição e, em 2019, superou Rondônia na terceira colocação.

A gerente de Ciências da WWF-Brasil, Mariana Napolitano, explica que esse novo cenário é um retrato de que a devastação tem se expandido para porções mais internas da floresta.

 PlenaMata

ÍNTEGRA DISPONÍVEL EM: INFOAMAZONIAAmazonas consolida vice-liderança em desmatamento com avanço na BR-319 e fronteira com estados mais devastados – InfoAmazonia 

Relacionadas:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: