Polícia Federal e Exército Brasileiro combatem garimpo ilegal na Terra Indígena SARARÉ

Objetivo é encerrar ações que degradam o meio ambiente e colocam em risco comunidades indígenas

Cuiabá/MT. A PF deflagrou neste sábado (16/7) a Operação Alfeu VI, que visa dar cumprimento à decisão judicial que determina a desocupação da área atingida por garimpeiros, bem como apreensão de maquinários e utensílios que são utilizados na atividade de garimpagem ilegal.

Concomitantemente, o Exército Brasileiro irá atuar em conjunto com a Polícia Federal, Funai e Força Nacional na Terra Indígena Sararé, localizada entre os municípios de Conquista D’Oeste/MT, Nova Lacerda/MT, Pontes e Lacerda/MT e Vila Bela da Santíssima Trindade/MT.

Incialmente serão realizadas buscas por instrumentos e maquinários utilizados pelos criminosos. Caso sejam encontradas máquinas em boas condições e que sejam passíveis de serem retiradas do meio da mata, serão apreendidas e destinadas às prefeituras dos municípios vizinhos à área degradada.

No segundo momento, será realizada a destruição, bem como a inutilização de bens sem valor monetário expressivo ou de difícil/impossível remoção que forem encontrados em toda a extensão da Terra Indígena Sararé.

Após o encerramento das atividades em campo, as investigações terão continuidade para identificar os financiadores dessa atividade ilegal e descapitalizar toda organização criminosa que, ao usurpar ouro de origem ilegal, financiam diretamente a degradação do meio ambiente, afetam a população indígena na região e poluem os rios que abastecem os municípios. Isso gera enorme dano social, além do desequilíbrio no mercado financeiro.

Comunicação Social da Polícia Federal em Mato Grosso  –  DPF – POLÍCIA FEDERAL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: