Podcast: No dia Nacional da Imunização, SESAI comemora 91% de cobertura vacinal entre os indígenas

Valor é superior à média nacional da população em geral, que está em 64,57%. O percentual do esquema vacinal completo, aquele em que o indivíduo recebeu todas as doses dos imunizantes, também é maior ficando em 85.7% contra 59.5%.

O SESAI CAST, podcast oficial da Secretaria Especial de Saúde Indígena (SESAI), do Ministério da Saúde, abriu a temporada 2022 debatendo os percentuais de Vacinação entre a população indígena. Sendo hoje (9) o dia Nacional da Imunização, a Saúde Indígena tem motivos de sobra para comemorar.

O programa ouviu as técnicas de imunização da secretaria Cristiane Araújo e Déborah Fabres, que apresentaram dados surpreendentes sobre cobertura e esquema vacinal completados entre os povos originários.

Com base no Programa Nacional de Imunização (PNI) e dados do Departamento de Atenção à Saúde Indígena (DASI) da SESAI, as profissionais afirmam que, no comparativo com a população em geral, a cobertura vacinal, com os imunizantes do Calendário Nacional de Imunização – 20 no total –, entre os indígenas, em todas as regiões do país, é maior e, em 2021, alcançou 91.1% enquanto a média geral nacional ficou em 59.5%.

Para Déborah, esse número expressa o sucesso da estratégia da SESAI de realizar a vacinação “extramuros” – quando é a equipe de saúde que vai até o indivíduo realizando busca-ativa, acompanhando a caderneta de vacina de crianças, jovens e adultos; um trabalho cheio de desafios.

São territórios que muitas das vezes têm uma distância muito longa para percorrer, às vezes de barco, sob sol ou chuva com as caixas térmicas, não deixando de se atentar às temperaturas dos imunobiológicos, fazendo de tudo para que essa vacina chegue em condições na aldeia, exemplifica.

Segundo Cristiane, o trabalho de assistência integrado, realizado pelas Equipes Multidisciplinares de Saúde Indígena (EMSI) nas áreas de assistência dos 34 Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEI) também alavancou o índice de Esquema Vacinal Completo – quando os indivíduos tomaram todas as doses previstas e estão totalmente imunizados – para 85.7% conta 59.5% da média nacional.

Os números mostram. A vantagem é que nós temos uma população assistida, de fato. Nós temos ações em saúde no território indígena. Nós temos uma equipe multidisciplinar que faz essas ações. A equipe realiza saúde indígena na sua totalidade, que cuida do saneamento nas aldeias. A gente cuida desses indígenas de verdade, Concluiu.

ÁUDIOS DISPONÍVEIS EM:  SESAI MS

PUBLICADO POR:  Saúde Indígena (saudeindigena.net.br) 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: