INPE/MCTI Atualiza painel do TerraBrasilis

Atualização do painel do TerraBrasilis: Sala de Situação da Amazônia (AMS) – Novo indicador baseado nos dados dos focos de fogo do Programa Queimadas

A versão 1.4.0 da ferramenta Terrabrasilis-AMS (Sala de Situação da Amazônia), que pode ser acessada no endereço http://terrabrasilis.dpi.inpe.br/ams/, traz agora mais uma nova funcionalidade: indicadores agregando em diferentes resoluções espaciais e temporais os dados de focos de fogo em vegetação produzidos pelo programa Queimadas (https://www.inpe.br/queimadas), também conduzido pelo INPE. “Entendemos que a nova versão da ferramenta, integrando dados do sistema Queimadas e do DETER, será muito importante para apoiar o planejamento de ações de combate aos incêndios na estação seca que se inicia”, diz o pesquisador do INPE Alberto Setzer, idealizador do Programa Queimadas do INPE.

O Terrabrasilis-AMS foi lançado em junho de 2021 visando prover uma visão sinótica dos processos de desmatamento, degradação florestal, mineração e corte-seletivo em curso na Amazônia, integrando diariamente dados do sistema DETER e agora também do Programa Queimadas.

Melhorias na interface
Além do novo indicador de focos de calor, a mais nova versão da ferramenta traz outras novidades:
● As unidades de análise espacial em células foram revistas e agora é possível observar os indicadores espacializados também em células de 25×25 km2. Com essa alteração é possível localizar com maior detalhe as áreas críticas, dentro das células de 150×150 km2 ou dos municípios. Veja na Figuras 1 exemplifica essa mudança.
● A legenda e a apresentação dos polígonos do DETER que compõem o indicador dentro de uma análise espacial foi alterada, permitindo assim que o usuário observe melhor a qualificação dos alertas do DETER que compuseram o indicador dentro de uma determinada unidade de análise espacial.
● Finalmente, a interface oferece agora um melhor controle dos períodos de análise, que deixa explícito a qual período a priorização se refere. Ao selecionar o período de 7, 15, 30, 90 ou 365 dias o usuário pode ver as datas de início e de fim do período. Além disso, o usuário pode facilmente navegar para períodos anteriores e posteriores, facilitando a análise da evolução temporal dos processos representados pelos indicadores. O mapa abaixo, por exemplo, reflete o período de 7 a 13 de maio de 2022. Ao clicar nas setas, pode-se visualizar a semana anterior ou posterior. Veja a Figura 2.

Próximos Passos

No caso dos focos de calor do Queimadas, iremos integrar aos indicadores a qualificação dos focos em área de floresta e área previamente desmatada, como já realizamos de forma não espacializada no painel do TerraBrasilis que relaciona os dados do DETER e PRODES com o Cadastro Ambiental Rural (CAR) e os focos de fogo em vegetação do Programa Queimadas, e que pode ser visto aqui.

Todas as funcionalidades do AMS serão replicadas para o bioma Cerrado, utilizando os dados do DETER Cerrado. Tanto para a Amazônia quanto para o Cerrado. Além disso, estamos trabalhando também no desenvolvimento de indicadores de risco futuro de curto e médio prazo.

PUBLICADO POR:  INPE  

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: