Com apoio da Funai, ação conjunta combate extração ilegal de madeira em Terra Indígena no Pará

Uma ação conjunta realizada entre a Fundação Nacional do Índio (Funai), Policia Federal (PF), Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), Policia Rodoviária Federal (PRF) e Força Nacional desativou madeireiras clandestinas na Terra Indígena Kayapó, no estado do Pará.

Foto postada em: Funai – Foto: Polícia Federal

A iniciativa ocorreu no último dia 11 de maio, na Vila Pista Branca, município de Bannach (PA). A ação teve como objetivo a repressão de crimes ambientais como desmatamento e extração de madeira ilegal na Terra Indígena. Foram desativadas 5 serrarias, e as madeiras extraídas ilegalmente foram doadas à prefeitura local.

O trabalho ocorreu no âmbito da Operação Guardiões do Bioma, que teve início em 17 de março e terá a duração de um ano, com participação de diversos órgãos. As atividades contam com seis bases operacionais avançadas e acontecem nos estados do Acre, Amazonas, Mato Grosso, Pará e Rondônia. Com uma proposta desafiadora, a integração tem o objetivo principal de zerar o desmatamento ilegal até 2028.

Assessoria de Comunicação / FUNAIcom informações da PF e PRF

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: