Operação Curare XVI combate ilícitos na fronteira

Boa Vista (RR) – Entre os dias 14 e 19 de março, o 10º Grupo de Artilharia de Campanha de Selva (10º GAC Sl) coordenou a Operação Curare XVI – 1ª Fase, desencadeada pela 1ª Brigada de Infantaria de Selva no contexto da Operação Ágata, com o objetivo de realizar operações militares preventivas e repressivas para combater ilícitos transfronteiriços e ambientais na faixa de fronteira, entre os municípios de Rorainópolis (RR) e Caroebe (RR).

Crédito: 10º GAC Sl

As ações realizadas no sul do estado de Roraima contaram com a participação da Polícia Rodoviária Federal e da Companhia Independente de Policiamento Ambiental do estado.

Crédito: 10º GAC Sl

Durante a operação, o 10º GAC Sl, reforçado por frações do 12º Esquadrão de Cavalaria Mecanizado, 1º Batalhão Logístico de Selva, 32º Pelotão de Polícia do Exército, e 1º Pelotão de Comunicações de Selva, estabeleceu postos de bloqueio e realizou patrulhas motorizadas em rodovias federais e estaduais. Foram patrulhadas também vias vicinais, áreas de desmatamento, e foram realizadas abordagens em terminal rodoviário, bem como o reconhecimento de pistas de pouso clandestinas.

Crédito: 10º GAC Sl

Ao todo, foram vistoriados 277 pedestres, 97 motocicletas, 168 veículos leves, 175 caminhões e seis ônibus. Três multas por crime ambiental foram aplicadas, no valor aproximado de R$ 70.000,00.

Crédito: 10º GAC Sl

A Operação Curare XVI acontece em cooperação com os órgãos de segurança pública e agências de fiscalização, intensificando a presença do Estado na região.

Fonte: 10º Grupo de Artilharia de Campanha de Selva – PUBLICADO POR:   EXÉRCITO BRASILEIRO 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: