Pará: águas barrosas de Alter do Chão expõem fracasso da gestão ambiental

Mais evidências sugerem que a alteração da cor das águas de Alter do Chão é resultado do garimpo. O Jornal Nacional divulgou a informação da Polícia Federal segundo a qual os garimpeiros despejam 7 milhões de toneladas de rejeitos no Tapajós. Outros possíveis fatores são a urbanização descontrolada, que resulta em desmatamento, especialmente da mata ciliar do rio, e saneamento básico precário, segundo a doutora em ciências biológicas, Dávia Talgatti, da Universidade Federal do Oeste do Pará (UFOPA), ouvida pel’O Globo.

Na CNN, o pesquisador Tommaso Giarrizzo, coordenador do Grupo de Ecologia Aquática da Universidade Federal do Pará (UFPA), alertou que a água escura em Alter do Chão pode ter impacto “em escala global”, quando se considera o potencial tóxico do solo arrastado pelas chuvas até Alter do Chão e, posteriormente, para o mar.

Desviar os olhos das águas para olhar para cima não muda a perspectiva pessimista: a Isto É escreveu sobre pesquisa publicada no ano passado pela Nature que mostra a Amazônia emitindo mais gases de efeito estufa do que os capturando. A matéria explicou que a mudança, somada à ascensão da média de temperatura, alastrará a desertificação no chamado Arco do Desmatamento,  forçando ondas de migração.

Mas toda essa destruição não acontece por acaso. Em artigo, o Valor descreve como os atos negacionistas de Bolsonaro trazem bons lucros diretos para quem comete ilegalidades.

Em tempo: o G1 Amazonas e o G1 Roraima detalharam os resultados do primeiro fórum da plataforma Amazônia Que Eu Quero, ocorrido em novembro passado. É o primeiro de cinco fóruns previstos pela plataforma e trouxe propostas de 10 soluções para o setor de infraestrutura da região.

PUBLICADO POR:    CLIMAINFO   

NOTA – A equipe do EcoAmazônia esclarece que o conteúdo e as opiniões expressas nas postagens são de responsabilidade do (s) autor (es) e não refletem, necessariamente, a opinião deste ‘site”, são postados em respeito a pluralidade de ideias. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: