Ministro da Justiça promete aumentar fiscalização de crimes ambientais

O Ministério da Justiça e Segurança Pública vai aumentar a fiscalização e a repressão aos crimes ambientais e desmatamento. Essa foi a afirmação do ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres, durante entrevista ao programa Voz do Brasil nessa terça-feira.

O ministro destacou ainda o trabalho feito pela integração das polícias do Brasil para garantir a segurança na aplicação do Enem, o Exame Nacional do Ensino Médio. O teste foi aplicado no domingo passado e ainda conta com mais uma etapa no próximo domingo. Mais de 3 milhões de estudantes estão inscritos.

Este ano, o Ministério realizou mais de 200 leilões de bens apreendidos em operações policiais com arrecadação de cerca de R$ 250 milhões para os cofres públicos.

O governo federal também tem atuado, segundo Anderson Torres, no combate ao braço financeiro das facções criminosas.

O ministro falou ainda sobre a Operação Cangalha, que teve início há dois meses em todos os estados do Nordeste, e integrou policiais civis, militares, penais e federais, sob coordenação do Ministério da Justiça. 1.500 pessoas foram presas. Além disso, houve apreensões de 17 toneladas de drogas, 985 armas e cerca de R$ 39 milhões, considerando os valores bloqueados judicialmente.

Publicado em 24/11/2021 – 08:28 Por Daniella Longuinho – Repórter da Rádio Nacional – Brasília – Edição: Raquel Mariano/Edgard Matsuki – RADIOAGÊNCIA NACIONAL  

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*