A Terceira Margem – Parte CCXCVII

Expedição Centenária Roosevelt-Rondon  3ª Parte – V  

Hiram Reis e Silva

Adeus ao Velho Casarão da Várzea?  

Como o Cabo Mário fora impedido, pelo Comandante do CMN, de nos acompanhar tínhamos de recorrer a algum canoísta experiente que fosse capaz de enfrentar os desafios destemidamente e suportar a solidão e as dificuldades proporcionadas pelo ambiente por vezes hostil do Rio Roosevelt e da Hileia.

Velho Casarão da Várzea

Apoio CMO  

Fiz contato com o General-de-Exército Juarez Aparecido de Paula Cunha ‒ Comandante do Comando Militar do Oeste e o Coronel Valdenir de Freitas Guimarães ‒ Assessor de Patrimônio Histórico e Cultural do Comando Militar do Oeste. O Coronel Freitas, sabendo de minha experiência como canoísta no Mato Grosso do Sul, viajou até Aquidauana onde contatou meus velhos amigos canoístas Fauzi e Girotto.

Caros amigos

Como diz o de Dalai Lama:

Quando surge um problema, você tem duas alternativas – ou fica se lamentando, ou procura uma solução. Nunca devemos esmorecer diante das dificuldades. Os fracos se intimidam. Os fortes abrem as portas e “acendem as luzes”.

Vocês acenderam as luzes e se eu não conseguisse a liberação do Cel Inf R/1 Ivan Carlos Gindri Angonese pelo CMPA sei que poderia contar com vocês. Obrigado Gen Juarez e Cel Freitas, de coração. Depois da reação do Cmt do CMN “OJF” eu ficara realmente muito triste e desacorçoado.

Ano que vem, no 2° semestre, na estiagem pantaneira, se o G:.A:.D:.U: pretendemos partir de caiaque de Aquidauana, descer os Rios Aquidauana e Miranda até o Rio Paraguai e gostaria, nessa oportunidade, de passar por Campo Grande e cumprimentá-los. Tríplice e fraternal abraço do Hiram Reis (o Mukinho), um humilde canoeiro eternamente em busca da Terceira Margem.

O Coronel Angonese já havia me acompanhado na “Descida do Juruá”, naquela oportunidade, subimos a motor de Cruzeiro do Sul, AC, à Foz do Breu (fronteira peruana) e depois regressamos juntos de caiaque. O valente camarada partiu corajosamente da fronteira brasileira enfrentando águas procelosas, desviando dos inúmeros troncos arrastados pela torrente furiosa apesar de ser a primeira vez que embarcava em um caiaque – era o homem certo para a arrojada missão. Seja bem-vindo, caro guerreiro, para esta missão, mais do que a qualquer outra que enfrentei nos amazônicos caudais, preciso de parceiros audazes, capazes de arrostar as adversidades da floresta tropical e os perigos dos saltos e cachoeiras com um sorriso sobranceiro nos lábios. Uma jornada deste quilate nos faz engarupar na anca da história e recordar as palavras do imortal poeta lusitano Luiz Vaz de Camões:

Não me mandes contar estranha história.

Mas mandas-me louvar dos meus a glória.

Que nosso voluntário lavor seja uma justa homenagem ao centenário da Expedição Científica Roosevelt-Rondon. Como se meus problemas pessoais e os relativos à Expedição já não bastassem para me assombrar recebi uma notícia, por vias transversas, de que meu contrato no CMPA seria suspenso a partir de dezembro de 2014.

Quase entrei em pânico, justo agora que achava que, com a venda da casa, conseguiria equilibrar momentaneamente minhas finanças. O Coronel Gilberto Machado da Rosa e o mano Deoclécio José de Souza agendaram uma visita (15.10.2014) ao meu caro amigo e Ir:. General-de-Exército Antônio Hamilton Martins Mourão, Comandante Militar do Sul que, depois de ouvir atentamente a exposição feita pelo meu “guru” Cel Gilberto, olhou-me fixamente nos olhos e disse simplesmente:

–  Kiko, deixa comigo…

Graças a ele, parto mais tranquilo, podendo concentrar minha total atenção aos desafios impostos pela natureza, sabendo que à minha retaguarda meus amigos zelam por mim.

Por Hiram Reis e Silva (*), Bagé, 08.09.2021 – um Canoeiro eternamente em busca da Terceira Margem.

(*) Hiram Reis e Silva é Canoeiro, Coronel de Engenharia, Analista de Sistemas, Professor, Palestrante, Historiador, Escritor e Colunista;

  • Campeão do II Circuito de Canoagem do Mato Grosso do Sul (1989)
  • Ex-Professor do Colégio Militar de Porto Alegre (CMPA) (2000 a 2012);
  • Ex-Pesquisador do Departamento de Educação e Cultura do Exército (DECEx);
  • Ex-Presidente do Instituto dos Docentes do Magistério Militar – RS (IDMM – RS);
  • Ex-Membro do 4° Grupamento de Engenharia do Comando Militar do Sul (CMS)
  • Presidente da Sociedade de Amigos da Amazônia Brasileira (SAMBRAS);
  • Membro da Academia de História Militar Terrestre do Brasil – RS (AHIMTB – RS);
  • Membro do Instituto de História e Tradições do Rio Grande do Sul (IHTRGS – RS);
  • Membro da Academia de Letras do Estado de Rondônia (ACLER – RO)
  • Membro da Academia Vilhenense de Letras (AVL – RO);
  • Comendador da Academia Maçônica de Letras do Rio Grande do Sul (AMLERS)
  • Colaborador Emérito da Associação dos Diplomados da Escola Superior de Guerra (ADESG).
  • Colaborador Emérito da Liga de Defesa Nacional (LDN).
  • E-mail: hiramrsilva@gmail.com.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*