Marinha realiza blitz para prevenção ao escalpelamento no Amapá

Como parte das ações do Dia Nacional de Combate e Prevenção ao Escalpelamento, celebrado neste sábado, 28 de agosto, a Marinha do Brasil realizou, nesta sexta-feira, uma blitz no município de Santana, no Amapá, para orientar condutores de embarcações sobre a necessidade de proteção dos motores para evitar acidentes.  

O escalpelamento é o arrancamento brusco e acidental do escalpo, mais conhecido como couro cabeludo. Esse grave acidente ocorre geralmente em embarcações de pequeno porte quando, por descuido, os cabelos compridos, especialmente de meninas e mulheres, se enrolam nos eixos ou partes móveis do motor.

Nos últimos seis anos, o Comando do Quarto Distrito Naval do Amapá registrou 34 acidentes com escalpelamento no estado.

A representante da Associação de Mulheres Ribeirinhas Vítimas de Escalpelamento da Amazônia, Franciane Campos, de 42 anos, conta que sofreu o acidente quanto tinha apenas 5 anos de idade. Na época, ela ficou hospitalizada por um ano e até hoje sofre com as sequelas.

O capitão de fragata Kaysel Costa Ribeiro diz que a Capitania dos Portos do Amapá atua na prevenção desses acidentes, com palestras de conscientização e regularização das embarcações.

Para denunciar irregularidades em embarcações, moradores do estado Amapá podem ligar para os telefones: 185 ou (96) 99112-1538.

Publicado em 27/08/2021 – 19:11 Por Daniella Longuinho – Repórter da Rádio Nacional* – Brasília – Edição: Bianca Paiva – GT Passos – RADIOAGÊNCIA NACIONAL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*