Povos indígenas do Alto Solimões ganham serviço aéreo nas remoções para hospitais

O coordenador do Distrito da Saúde Especial Indígena (DSEI) do Alto Rio Solimões, Weydson Gossel Pereira, informa sobre o novo serviço de remoção aéreo para os povos indígenas.

Foto: EBC

O coordenador do Distrito da Saúde Especial Indígena (DSEI) do Alto Rio Solimões, Weydson Gossel Pereira, informa sobre o novo serviço de remoção aéreo para os povos indígenas.

Pereira ressalta a importância do serviço aéreo já que a logística da região é 95% fluvial e algumas aldeias são de difícil acesso. As grandes distâncias fazem com que, muitas vezes, a viagem de barco leve até alguns dias para chegar no seu destino.

Ele também relata as três remoções que já foram realizadas desde o início do contrato em 1º de abril de 2021. A última remoção registrada ocorreu no dia 2 de maio, onde foi feita a remoção de uma criança de 4 anos da etnia ticuna, com fratura no fêmur para a unidade hospitalar da cidade de Tabatinga.

O coordenador também enfatiza que a aeronave estará a disposição na região e que é um serviço em conjunto do governo federal para os povos indígenas. do Ministério da Saúde, da CESAI e do DSEI.

RÁDIO NACIONAL ALTO SOLIMÕES – EBC Recados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*