Cheia do Rio Negro iguala recorde histórico em Manaus

No último domingo, 30 de maio, a Cheia do Rio Negro atingiu a cota de 29,97 metros em Manaus-AM, de acordo com o Porto de Manaus. Este valor se iguala ao recorde histórico, de 29 de maio de 2012. Ambos registram a maior cheia desde o início das medições, em 1902.

Postada por: CLIMATEMPO

Previsão 

Nesta segunda-feira, 31 de maio, o volume diminuiu para 29,96m, mas ainda não se descarta a chance de chegar aos 30m em junho por conta da chuva prevista para os próximos dias. Cerca de 60mm ainda são previstos para os próximos 15 dias.

De acordo com a meteorologista Ana Clara Marques, especialista em previsão de Clima da Climatempo, a tendência é que em junho a chuva diminua na bacia Amazônica, mas ainda não vai parar de chover. Com ruas e bairros totalmente inundados, a situação continua de alerta.

MANAUS
Média climatologia de maio: 247mm
Acumulado: 185.5mm (-25%)

BELÉM
Belém, capital do Pará, registrou 451,2mm de chuva, e isso é 51,2% acima da sua média de maio (298,4mm). Em abril deste ano choveu mais, foram 501,2mm e em este maio como o mais chuvoso em 10 anos, ou seja desde 2021, quando em maio de 2011 foram observados 477,3mm.

PUBLICADO POR:   CLIMATEMPO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*