Marinha e Ibama apreendem embarcação e carga de madeira irregular na Amazônia

Militares da Capitania dos Portos do Amapá (CPAP) realizaram, em 23 de fevereiro, a apreensão de 46 metros cúbicos de madeira, transportada de forma irregular por embarcação não inscrita e sem condutor habilitado, no Canal das Pedrinhas, na cidade de Macapá (AP).

Madeira apreendida durante operação interagências – Foto: Marinha do Brasil

A ação ocorreu no contexto da Operação “Ágata 2021”, que visa prevenir e reprimir atividades criminosas, combatendo ilícitos e crimes ambientais, e contou com apoio do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) do Amapá.

O comandante foi notificado e a embarcação foi apreendida pela CPAP, por descumprimento das normas de segurança da navegação e apresentação de documentações irregulares. Já a carga de madeira foi encaminhada para os órgãos competentes a fim de adotarem as medidas cabíveis.

Carga irregular de botijões de gás 

Botijões de gás irregulares conduzidos por embarcação – Foto: Marinha do Brasil

Ainda no contexto da Operação “Ágata 2021”, no dia 22 de fevereiro, a CPAP abordou uma embarcação atracada no Canal do Jandiá, em Macapá (AP), com 52 botijões de gás armazenados no porão da embarcação. A carga era irregular e foi enviada aos órgãos responsáveis para notificações e providências.

As atividades de fiscalização nos rios e mares contribuem para o constante aprimoramento do Sistema de Gerenciamento da Amazônia Azul, que tem a missão de monitorar as Águas Jurisdicionais Brasileiras e as áreas internacionais de responsabilidade brasileira, proporcionando cada vez mais ações de combate a ilícitos, em esforço integrado com demais agências municipais, estaduais e federais.

PUBLICADO EM:         MARINHA DO BRASIL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*