Projeto BiogásFORT® da Embrapa Suínos e Aves é premiado pelo Ministério do Meio Ambiente como uma das melhores práticas de sustentabilidade do país

O projeto BiogásFORT®: Inovação energética para agregação de valor de resíduos por meio da mobilidade com biometano, da Embrapa Suínos e Aves, foi reconhecido como uma das melhores práticas de sustentabilidade do país na oitava edição do Prêmio A3P (Agenda Ambiental na Administração Pública) promovido pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA).

Unidade de produção de biometano – Embrapa Suínos e Aves – Foto Lucas Scherer

O BiogásFORT® ficou em terceiro lugar na categoria “Uso sustentável dos recursos naturais”. Em segundo lugar, foi escolhido o “Bosque da Justiça”, do Tribunal de Justiça do Estado do Acre. O vencedor foi o Instituto Federal de Santa Catarina – Campus Gaspar, com “Protagonismo jovem: a pesquisa como ferramenta para uma formação cidadã”. A cerimônia na manhã de hoje (17/12) foi realizada de maneira on-line devido à pandemia causada pelo coronavírus e pode ser assistida na íntegra no canal do MMA no YouTube, no endereço https://youtu.be/NeTJG7Waef8.

Unidade de produção de biometano – Embrapa Suínos e Aves – Foto Lucas Scherer

O BiogásFORT® foi lançado em outubro de 2018 durante solenidade em comemoração aos 43 anos da Embrapa Suínos e Aves. A Unidade de Produção de Biometano aproveita o biogás gerado a partir dos dejetos suínos das granjas como combustível veicular. O BiogásFORT® fornece combustível para o veículo que atende as demandas externas da Embrapa Suínos e Aves na cidade. A tecnologia é semelhante à usada em veículos movidos a GNV.

A Unidade de Produção de Biometano da Embrapa Suínos e Aves é a primeira em Santa Catarina e uma das primeiras no Brasil nesta escala. A produção é feita a partir dos dejetos suínos gerados nas granjas da Unidade e passam pela Estação de Tratamento de Dejetos Suínos – ETDS. O diferencial também está em um biofiltro, que faz o processo de purificação. O processo de biofiltragem, que remove enxofre do biogás, foi resultado de pesquisas anteriores com o apoio da Eletrosul.

Unidade de produção de biometano – Embrapa Suínos e Aves – Foto Lucas Scherer

De acordo com o pesquisador Airton Kunz, chefe de pesquisa e desenvolvimento, o biometano apresenta a vantagem de ser um combustível gerado a partir de fonte renovável, substituindo a fonte fóssil. “O Brasil assumiu metas de redução do uso de fontes fósseis. E apresentar alternativas para isso é um dos compromissos da Embrapa”, diz. Ainda de acordo com ele, a não emissão de metano diretamente ao ambiente reduz o efeito estufa.

O processo segue regulamentações da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) e atende diversos compromissos com a produção de energia a partir de fontes renováveis. Um deles está vinculado ao Objetivo de Desenvolvimento Estratégico – ODS 7 – Energia Limpa e Acessível.

O projeto executivo da Unidade de Produção de Biometano da Embrapa Suínos e Aves tem a parceria da Janus & Perguer e Kemia.

Outras categorias – Também foram classificadas as outras 12 instituições finalistas nas categorias: “Inovação na Gestão Pública”, “Gestão de Resíduos”, “Destaque da Rede A3P” e “Categoria Especial: Combate ao Lixo no Mar”.

O Prêmio A3P tem por finalidade reconhecer o mérito das iniciativas dos órgãos e instituições do setor público na promoção e na prática da A3P, de maneira a identificar e reconhecer as iniciativas implementadas no âmbito da administração pública que contribuam para a sustentabilidade; estimular a implementação de iniciativas inovadoras de gestão socioambiental que contribuam para a melhoria do ambiente organizacional e do meio ambiente; compartilhar informações que sirvam de inspiração ou referência para iniciativas de outras instituições; e encorajar e recompensar as instituições que possuem compromisso com a implementação da A3P.

Todos os finalistas passaram por um processo de vistoria técnica entre março e setembro para atestar a conformidade das ações desenvolvidas nos diferentes projetos. Com o uso de ferramentas digitais, estima-se que houve uma economia de pelo menos R$ 10 mil com despesas referentes a diárias, passagens aéreas e deslocamentos terrestres, bem como se evitou a emissão de cerca de 4 toneladas de CO2. A utilização de novas tecnologias para a realização das vistorias está alinhada com as premissas e diretrizes da A3P.

Reveja a cerimônia de entrega do 8º Prêmio A3P: https://youtu.be/NeTJG7Waef8

Saiba mais sobre o Projeto BiogásFORT®: https://www.embrapa.br/suinos-e-aves/busca-de-noticias/-/noticia/39219764/filtro-feito-com-bacterias-purifica-biogas-para-uso-veicular?p_auth=alHO5yrn

Vídeo explica como é produzido o biometano veicular na Embrapa Suínos e Aves: https://youtu.be/qmki07QBGE8

FONTE: EMBRAPA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*