IPAM estreia na BPBES com matéria que explica as queimadas em 10 pontos

O IPAM (Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia) acaba de ser incluído na parceria entre o Jornal Nexo e a Plataforma Brasileira de Biodiversidade (BPBES, na sigla em inglês), iniciativa que tem por objetivo produzir sínteses do melhor conhecimento disponível sobre as temáticas da biodiversidade e dos serviços ecossistêmicos e suas relações com o bem-estar humano, com foco nos biomas continentais do Brasil e no costeiro-marinho.

daisy photographed from below

A estreia do IPAM na plataforma foi marcada pela matéria “As queimadas na Amazônia explicadas em 10 pontos”, escrita pela pesquisadora do Instituto, Ludmila Rattis.

A bióloga, que é doutora em ecologia pela Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) agora integra o grupo independente da BPBES formado por cerca de 120 autores, dentre professores universitários, pesquisadores, gestores ambientais e/ou tomadores de decisão.

No texto, Rattis explica dez pontos importantes sobre as queimadas na Amazônia, como o que exatamente está queimando, qual a relação entre fogo e desmatamento, os impactos dos incêndios para a saúde, dentre outros.

Confira a matéria completa no site do Nexo Jornal.

PUBLICADO EM:   IPAM AMAZÔNIA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.